<
>

UFC: Dana White 'volta atrás', reconhece erro e presenteia Deiveson com bônus de R$ 270 mil

Depois de não ser eleito como um dos merecedores dos prêmios bônus do card do UFC 255, evento realizado no último sábado (21), Deiveson Figueiredo não escondeu sua decepção. Ainda na coletiva ao final do show, o campeão peso-mosca (57 kg) chegou a colocar sua luta do próximo dia 12 de dezembro em xeque caso não recebesse uma compensação financeira. E ela não demorou a chegar.

Na última terça-feira (24), Wallid Ismail, empresário do atleta, registrou o momento em que eles conversaram com Dana White na sede do evento, na cidade de Las Vegas (EUA). Nas imagens divulgadas nas redes sociais do manager, é possível ver uma sacola com a logomarca do UFC e, dentro dela, uma bloco recheado com notas de cem dólares.

“Eu me atrapalhei, eu cometi um erro”, admitiu Dana White, sorrindo, ao relembrar que Deiveson não recebeu a quantia de 50 mil dólares (R$ 270,6 mil, nas cifras atuais) destinada aos atletas que merecedores dos prêmios bônus.

De acordo com apuração da reportagem da Ag Fight, o atleta recebeu em mãos do presidente da organização exatamente os 50 mil dólares pedidos como reparação do erro. Desta forma, Deiveson agora pode treinar tranquilamente para liderar o card do UFC 256, no dia 12 de dezembro, quando defende seu título contra o mexicano Brandon Moreno.