<
>

UFC: Adesanya aconselha Uriah Hall a fazer o 'básico' para vencer Anderson Silva

play
Anderson Silva diz que não foi ele quem decidiu por despedida do UFC e afirma: 'Chance grande de seguir lutando' (1:35)

Spider falou com exclusividade ao ESPN.com.br e explicou que pode continuar lutando depois deste sábado (1:35)

Neste sábado (31), Anderson Silva enfrenta Uriah Hall, na luta principal de um evento do UFC em Las Vegas (EUA). Este combate tem uma importância a mais uma vez que pode ser o último da carreira do brasileiro no Ultimate. E quem garante que vai mirar suas atenções sobre a luta é Israel Adesanya, atual campeão do peso-médio (84 kg) da franquia.

Em entrevista ao site ‘MMA Junkie’, o nigeriano revelou sobre o que espera do confronto e apostou que o ‘Homem-Ambulância’ pode trazer problemas para Anderson se fizer um jogo simples. Adesanya, entretanto, não deixou de elogiar o ex-campeão da divisão.

“Só quero assistir algo louco, porque acho que Hall pode trazer isso. Se Uriah for básico, pode vencer essa luta, mas Anderson é astuto. O enfrentei, o observei por anos e ele pode vencer essa luta com bastante facilidade, inclusive por nocaute. Se Uriah se mantiver apenas no básico, pode causar problemas. Mas luta é luta”, disse o atual campeão dos médios, antes de admitir que gostaria de ter aposentado ‘Spider’.

“É uma boa luta para Anderson se aposentar. Eu gostaria de ser seu último rival, mas a luta contra Hall tem boa combinação de estilos para aposentar o Anderson”, concluiu.

Aos 45 anos, Anderson se prepara para disputar sua 46ª luta no MMA profissional. Em seu cartel, o brasileiro possui 34 vitórias, sendo 22 por nocaute, dez derrotas e um ‘no contest’. ‘Spider’ foi campeão do Ultimate de 2006 e 2013, quando defendeu seu cinturão com sucesso por dez vezes seguidas, um recorde na categoria.