<
>

Dana White revela que Khabib quebrou o pé duas semanas antes de luta com Gaethje

play
UFC: A última dança de Khabib! Veja como lenda detonou Gaethje, chorou pelo pai e se aposentou invicto (0:49)

Russo encerra sua carreira com 29 vitórias em 29 lutas (0:49)

Neste sábado, Khabib Nurmagomedov venceu Justin Gaethje com uma finalização nos segundos iniciais do segundo round, mantendo o cinturão dos leves e a invencibilidade em 29 lutas no MMA.

Depois da luta, o presidente do UFC Dana White revelou que o russo esteve internado no hospital há três semanas por conta de um pé quebrado.

"Depois de tudo que ele passou, a gente tem é sorte de tê-lo visto lutar hoje. E eu ouvi rumores de outras coisas que vocês vão ficar sabendo quando ele vier falar... aparentemente, ele estava no hospital porque quebrou o pé três semanas atrás. Dois dedos e um osso quebrado, algo assim, foi o que o corner dele disse pra mim. E ele não falou pra ninguém. Ele é um dos caras mais durões do mundo e o número 1 peso por peso do mundo", disse Dana em entrevista coletiva.

Após a luta, Khabib se aposentou por conta do falecimento de seu pai, em julho, vítima da COVID-19.

"Hoje eu quero dizer que é minha última luta. Não tem como eu vir aqui sem meu pai. Quando o UFC me ligou sobre Justin eu falei com minha mãe, ela e eu tínhamos combinado que não lutaria sem meu pai, mas prometi à ela que seria minha última luta. Se dei minha palavra, preciso seguí-la, então é minha última luta. Eu só quero uma coisa do UFC: na quinta, me coloquem como número 1 peso por peso do mundo, eu mereço. Campeão indiscutível dos leves, 30-0, 30 não, 29-0 na minha carreira no MMA. Acho que eu mereço isso", disse Khabib ainda no octógono.

Dana elogiou a postura do campeão e disse que irá respeitar a decisão de Khabib.

"Eu entendo o que ele está sentindo. Hoje parecia até que ele foi a zebra, pelo jeito que agiu nas pesagens, na entrada pra luta, respirando pesado, sabe? Mas uau. Khabib é o filho da p.. mais durão do mundo", finalizou.

Veja todos os resultados do UFC 254:

CARD PRINCIPAL

Khabib Nurmagomedov (RUS) finalizou Justin Gaethje (EUA) com um triângulo a 1:34 do 2º round - pelo cinturão dos leves
Robert Witthaker (AUS) venceu Jared Cannonier (EUA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-28) - médios
Alexander Volkov (RUS) nocauteou Wal Harris (EUA) a 1:15 do 2º round - pesados
Phil Hawes (EUA) nocauteou Jacob Malkoun (AUS) a 0:18 do 1º round - médios
Lauren Murphy (EUA) finalizou Liliya Shakirova (UZB) com um mata-leão a 3:31 do 2º round. - moscas feminino
Magomed Ankalaev (RUS) nocauteou Ion Cutelaba (MOL) aos 4:19 do 1º round - meio-pesados

CARD PRELIMINAR

Tai Tuivasa (AUS) nocauteou Stefan Struve (HOL) aos 4:59 do 1º round - pesados
Casey Kenney (EUA) venceu Nathaniel Wood (ING) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 30-27) - peso combinado
Shavkat Rakhmonov (CAZ) finalizou Alex Cowboy (BRA) com uma guilhotina aos 4:40 do 1º round - meio-médios
Da Un Jung (COR) e Sam Alvey (EUA) empataram (29-28, 28-29 e 28-28) - meio-pesados
Miranda Maverick (EUA) nocauteou Liana Jojua (RUS) com interrupção médica ao fim do 1º round - moscas feminino
Joel Álvarez (ESP) finalizou Alexander Yakovlev (RUS) com uma chave de braço aos 3:00 do 1º round - leves