<
>

Empresário diz que Borrachinha não vai mais subir de peso para 'caçar' revanche: 'Adesanya foi vagabundo'

play
Borrachinha se irrita, vê desrespeito de Adesanya após nocaute e pede revanche: 'Vou arrancar a cabeça desse palhaço' (0:59)

Brasileiro detonou atitude do rival após vencer a luta no último sábado, pelo UFC 253 (0:59)

As polêmicas entre Paulo Borrachinha e Israel Adesanya não param.

Nesta segunda-feira, o empresário de Borrachinha, Wallid Ismail, não poupou palavras para falar sobre as provocações do nigeriano após a luta.

Wallid também garantiu que Borrachinha quer tanto a revanche que desistiu da ideia de subir de peso para se manter na caça à Adesanya.

"Ele quer lutar agora no mesmo dia que o Adesanya lutar. Teve uma venda estrondosa. Ele tava invicto, o Adesanya ainda é invicto. Ele tá muito chateado com o que o Adesanya fez no fim da luta. Não é chateado, ele está puto. Ele quer muito bater no Adesanya novamente. Ele ia subir para o 93kg e não vai mais subir, vai ficar só para pegar o Adesanya. Ele quer lutar no mesmo dia do Adesanya por isso, que se a luta do Adesanya cair ele já quer lutar com o Adesanya porque ele merece. Ele quer essa luta de qualquer maneira", disse em entrevista ao Canal Encarada, no YouTube.

"Já era pessoal, depois do que o Adesanya fez, então. Ele foi vagabundo, agora a gente vai pra guerra. Acontece um resultado adverso, você respeita o cara depois da luta. O Adesanya não teve respeito e depois veio fazer social. Isso é coisa de vagabundo", finalizou.