<
>

McGregor mostra conversas com Dana White pedindo rivais no UFC e revela que vai lutar boxe contra Pacquiao

play
UFC | Promessa de morte, 'ele é burro' e muito mais: relembre as ofensas trocadas entre Adesanya e Borrachinha desde antes da luta ser marcada (1:04)

Rivais se cutucam há muito tempo pelo cinturão dos médios (1:04)

Depois de anunciar sua aposentadoria do UFC, o ex-campeão Conor McGregor revelou qual deve ser seu próximo passo na carreira. O irlnadês, através de suas redes sociais, disse que vai lutar boxe contra Manny Pacquiao.

Se confirmada, essa será a segunda aventura de McGregor no ringue. Em 2017 ele enfrentou Floyd Mayweather e foi derrotado.

De acordo com Ariel Helwani, da ESPN, Audie Attar, empresário de McGregor e Pacquiao, existem negociações, mas a luta ainda não é certa. A expectativa é que o combate aconteça em dezembro ou janeiro na Ásia.

"Eu estava forçando nesta temporada. Vários oponentes e datas oferecidas. Todas para acontecer em sequência. Daí veio a COVID e a conversa era que eu teria que esperar a volta do público de novo. Eu deixei de lado. Eu estava esperando muito até então", postou McGregor, no Twitter.

"De qualquer forma, são águas passadas, quem se importa? Eu vou lutar boxe contra Manny Pacquiao na Ásia agora", completou o irlandês.

McGregor compartilhou prints de conversas particulares com Dana White onde eles debatiam o próximo passo do lutador no UFC antes da pandemia.

Em uma delas, McGregor rejeitou ser "reserva" da então programada luta entre Khabib Nurmagomedov e Tony Ferguson, que aconteceria em abril.

"Eu não sou reserva e você sabe disso. Vamos criar um evento para mim. Los Angeles em maio ou algo louco. Vamos bombar o lugar", diz o irlandês.

"Tudo bem. Nós conversamos no jantar e você disse que queria e eu sempre disse que manteria minha palavra com você. Ninguém queria você como reserva por um milhão de razões financeiras e eu disse 'estou pouco me fu***, dei minha palavra a Conor", respondeu Dana White.

"As pessoas querem um evento McGregor, vamos dar a elas", disse o lutador, em 20 de fevereiro.

Em uma conversa dias antes com White, o irlandês pediu um confronto contra Diego Sanchez.

"Eu quero lutar, cara", disse McGregor. "Contra quem?", rebateu White. "Qualquer um. Eu luto em maio em Los Angeles ou eu contra Diego (Sanchez) em Dublin em agosto", afirmou o irlandês. "Nós deveríamos perder nossa licença de arrumar lutas se isso acontecesse", ironizou White.

McGregor chegou a pedir uma luta contra Justin Gaethje também e até mostrou interesse em lutar no Brasil, segundo os prints. Mas isso, claro, eram conversas antes da pandemia.