<
>

UFC: Thiago Marreta testa positivo para COVID-19 e luta contra Glover é cancelada

O confronto entre Glover Teixeira e Thiago ‘Marreta’, que provavelmente indicaria o próximo lutador a receber o title shot na divisão dos meio-pesados (93 kg), sofreu mais um golpe aplicado pelo coronavírus.

Depois do mineiro testar positivo para COVID-19 e obrigar o UFC a remarcar o duelo – inicialmente agendado para ocorrer no último sábado (12) – para o dia 3 de outubro, na Ilha da Luta, em Abu Dhabi (EAU), agora foi a vez do atleta carioca ser infectado pelo vírus.

A informação foi divulgada em primeira mão pelo Combate e confirmada posteriormente pela reportagem da Ag. Fight com fontes próximas à organização. Com isso, Marreta – que não luta desde julho de 2019 – está fora do confronto do próximo dia 3 de outubro. Ainda não há a confirmação se o Ultimate buscará outro adversário para Glover ou se a peleja entre os brasileiros será novamente remarcada.

Afastado há mais de um ano dos octógonos, Thiago faria seu retorno à ativa depois de passar por cirurgia nos dois joelhos. A última apresentação do lutador carioca aconteceu diante do então campeão Jon Jones, em disputa válida pelo cinturão dos meio-pesados, no UFC 239, onde o brasileiro acabou derrotado pelo americano na decisão dividida dos juízes.

Por sua vez, Glover Teixeira vem de quatro vitórias consecutivas, sequência que lhe recolocou próximo de pleitear uma chance de lutar pelo título da divisão. Oportunidade que o veterano já teve, em 2014, quando também foi superado por Jon Jones nas papeletas dos jurados, assim como o compatriota.