<
>

UFC: Derrick Lewis acaba com a graça de russo 'esquisitão', iguala Anderson Silva e fica perto de recorde de Belfort

Derrick Lewis não tem o apelido de Besta Negra à toa. Neste sábado, o norte-americano escapou de todas as tentativas 'esquisitonas' de finalizações de Oleinik e acabou nocauteando o russo em poucos segundos do 2º round. E mais: igualou uma marca de ninguém menos que Anderson Silva e ficou a um nocaute do recorde de Vitor Belfort.

Lewis começou bem a luta em pé, mas acabou tomando uma decisão estratégica que quase lhe custou a vitória: foi para a queda. Ele até tentou castigar por cima, mas acabou capotado e sofreu nas mãos de Oleinik. O russo mostrou os motivos de ser considerando o rei das finalizações e tentou tudo que era possível - e até o que parecia impossível. Ele chegou a ter um estrangulamento encaixado na base da força, mas não conseguiu arrancar a finalização.

Derrick Lewis tomou a bronca dos treinadores no intervalo: "Eu não quero você chegando perto dele". E ouviu! Começou o assalto tentando uma joelhada voadora e, assim que caiu no chão, emendou um direto incrível de direita que pegou em cheio no rosto de Oleinik. Ele ainda emendou mais 20 socos no rosto do russo no chão até a luta ser interrompida.

O nocaute foi o 11º da carreira de Lewis no UFC, um recorde absoluto do peso pesado - deixando Cain Velasquez e Junior Cigano (10 cada) para trás.

No geral, ele ainda igualou o número de nocautes de Anderson Silva (11) e está a apenas um de Vitor Belfort (12) na briga para ser o maior nocauteado da história do evento.