<
>

UFC: Dana White descarta retorno de Conor McGregor em 2020: 'Está aposentado'

play
McGregor contra Masvidal ou Ferguson? Cormier e Ariel Helwani discutem possíveis próximas lutas no UFC (2:17)

Discussão se estendeu até a situação de Jon Jones (2:17)

Cansado dos questionamentos sobre o possível retorno de Conor McGregor aos octógonos, Dana White resolveu colocar um ponto final nas especulações. Em entrevista ao site ‘BarstoolSports’, o presidente do UFC afirmou que o ex-campeão peso-pena (66 kg) e peso-leve (70 kg) da entidade não vai lutar novamente em 2020.

Apesar de, assim como grande parte da comunidade das lutas, se mostrar cético quanto à aposentadoria definitiva do irlandês, Dana se manteve firme na posição de que, ao menos neste ano, Conor não pisará novamente no octógono.

Nem mesmo os rumores sobre uma possível luta de boxe entre McGregor e o filipino Manny Pacquiao parecem tirar o sono do dirigente, já que, por contrato, a possível nova aventura do ex-campeão teria que passar pelo crivo do Ultimate.

“Esse ano, ele está aposentado. Ele não tem uma luta nesse ano, e ele não vai ter uma luta nesse ano. Conor McGregor não vai lutar em 2020. Eu não estou dizendo que ele não vai lutar em 2021, mas eu estou te dizendo que nós não temos uma luta planejada para ele em 2021. Mas eu te garanto que ele não vai lutar em 2020. Conor McGregor está aposentado”, cravou Dana White, antes de completar.

“Nós acreditamos que ele vai permanecer aposentado? Eu acho que a maioria de nós não acredita que ele vai permanecer aposentado, mas me deixe colocar isso para você dessa forma: eu devo aos lutadores que estão sob contrato comigo três lutas por ano. Ok? Se eu não oferecer essas três lutas por ano, eu tenho que pagá-los. Conor McGregor está aposentado, quer as pessoas queiram acreditar ou não. Ele não vai lutar agora, então como ele não está lutando, eu nem mesmo penso sobre ele ou o que ele está fazendo ou algo do tipo no nível dos negócios. (…) Ele não vai lutar. Todo mundo fica me perguntando sobre ele, e eu fico tipo: ‘Manny Pacquiao? Que m*** é essa que você está falando?'”, concluiu o dirigente.

Após ficar afastado dos octógonos por mais de um ano, Conor McGregor fez seu retorno em janeiro deste ano, ao atropelar ‘Cowboy’ Cerrone no UFC 246, em Las Vegas (EUA).

À época, o irlandês prometeu se manter ativo e fazer mais duas lutas ainda em 2020, mas a pandemia do novo coronavírus atrapalhou seus planos e o cronograma do Ultimate.

Irritado com a falta de ação, o ex-campeão anunciou sua aposentadoria – pela terceira vez nos últimos anos – em junho.