<
>

Namajunas posta foto com rosto machucado e elogia Bate-Estaca: 'Bate como caminhão'

play
No UFC 251, José Aldo leva 62 golpes no rosto no 5º round, é massacrado e nocauteado; árbitro demorou a encerrar a luta? (0:52)

Brasileiro perdeu para o russo Petr Yan na madrugada de domingo em luta nos Emirados Árabes Unidos (0:52)

No último sábado (11), Rose Namajunas levou a melhor em revanche diante de Jéssica Bate-Estaca por decisão dividida dos jurados no UFC 251, na Ilha da Luta, em Abu Dhabi (EAU).

Mas apesar do triunfo, a americana saiu com diversas lesões no rosto após os três rounds disputados contra sua última algoz.

Através de suas redes sociais, Rose fez questão de agradecer a todos que a apoiaram nesse processo de retorno ao Ultimate após mais de um ano sem lutar. Namajunas também não deixou de mencionar Bate-Estaca, elogiando a brasileira e destacando a potência de suas nas mãos.

“Obrigado a todos que já me ajudaram e tornaram isso possível! Para minha equipe, família, UFC, fãs, companheiros de luta. Obrigada a Jéssica ‘Bate-Estaca’ por me fazer te respeitar muito mais. Você bate como um caminhão! Obrigado também a Abu Dhabi! Que jornada!”, escreveu.

No UFC desde 2014, Rose Namajunas tem sete vitórias e três derrotas. Seu momento mais alto na organização aconteceu em 2017, quando derrotou Joanna Jędrzejczyk e conquistou o cinturão peso-palha. Na luta seguinte, a americana voltou a derrotar a polonesa. Em sua defesa de título foi superada por Jéssica Bate-Estaca por nocaute no segundo round, mas no último sábado, deu o troco e venceu a brasileira.