<
>

Dana White considera 'muito provável' que Durinho receba próxima chance de cinturão dos meio-médios

Desde que migrou do peso-leve (70 kg) para a divisão dos meio-médios (77 kg), em agosto de 2019, Gilbert ‘Durinho’ venceu quatro combates consecutivos – os dois primeiros com pouco tempo de preparação, ao aceitar as lutas de última hora – e se colocou na corrida por um ‘title shot’. A rápida ascensão e a postura destemida do brasileiro chamaram a atenção do presidente do Ultimate, Dana White, que já considera a possibilidade de escalar o faixa-preta como próximo desafiante ao título da categoria.

Com o aparente impasse nas negociações para a disputa entre Kamaru Usman e Jorge Masvidal, pelo cinturão dos meio-médios (77 kg) do UFC, a categoria segue sem peleja pelo título definida. No entanto, em recente entrevista ao podcast ‘Steve-O’s Wild Ride!’, Dana fez questão de exaltar a abordagem do brasileiro – atual número um no ranking da divisão – e indicou que pode ser dele a próxima oportunidade de destronar o nigeriano.

“Você tem Colby Covington, você tem Jorge Masvidal, você tem Leon Edwards, e obviamente agora você tem Gilbert Burns (Durinho). A realidade é que nós vamos entrar em contato amanhã e perguntar: ‘Quem quer a próxima luta? Quem quer essa luta? Quem está pronto? Quem quer lutar com Usman?’. (E ver) se é Masvidal, Edwards ou Burns”, explicou Dana White, antes de completar.

“Burns me disse naquela noite (do UFC Las Vegas): ‘Vamos mudar essa m***, eu vou lutar com Usman agora. Estou pronto’. Eu amo esse tipo de m***. Quando você é esse tipo de cara, é muito provável que você vai conseguir essa luta”, destacou o cartola.

Com seis vitórias consecutivas, sendo quatro na divisão dos meio-médios, Gilbert ‘Durinho’ se posicionou na primeira colocação no ranking da categoria até 77 kg do UFC. Em sua última peleja, realizada no dia 30 de maio, em Las Vegas (EUA), o brasileiro derrotou o ex-campeão Tyron Woodley por pontos, após dominar completamente o americano durante cinco rounds.