<
>

UFC premia Holly Holm por ser a primeira atleta a passar limpa por 50 testes antidoping

Dona de um currículo extenso e uma carreira laureada nas artes marciais – especialmente no boxe e no MMA -, Holly Holm recebeu nesta quinta-feira (13) uma honraria inusitada, ainda que extremamente respeitável. A ex-campeã peso-galo (61 kg) do UFC foi agraciada com uma jaqueta personalizada por ter se tornado a primeira atleta do Ultimate a passar limpa por 50 testes da USADA (agência antidoping americana).

A singela cerimônia de entrega da jaqueta foi divulgada em vídeo pelo próprio Ultimate, através de suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui). Jeff Novitzky – atual vice-presidente de saúde e desempenho dos atletas do UFC – foi o responsável por premiar pessoalmente Holm. O dirigente – diretamente ligado as questões antidoping da franquia – não poupou elogios ao anunciar a ex-campeã.

“Holly Holm é a epítome do que uma líder e um modelo (a ser seguido). Então, para reconhecer Holly por seus 50 testes (antidoping) nós subimos nosso jogo um pouco e aqui está uma jaqueta, com o ’50 vezes’, o nome da Holly também está nela, e o ‘UFC’ nas costas. Nós não poderíamos estar mais honrados e mais animados para honrar Holly Holm”, discursou Jeff Novitzky.

Campeã mundial de boxe múltiplas vezes, Holly Holm também conquistou o topo no MMA profissional, ao nocautear a até então invencível Ronda Rousey e garantir o cinturão peso-galo do Ultimate. Em sua última apresentação, no dia 18 de janeiro, a americana superou Raquel Pennington por pontos no UFC 246, em Las Vegas (EUA). Ao todo, a veterana soma 13 vitórias e cinco reveses em seu cartel.