<
>

UFC: 'Toque da morte', 'marretas' e 'dinamite nas mãos': mundo do MMA fica perplexo com nocaute de Poatan

Poatan deixou Sean Strickland 'sem alma' no octógono do UFC 276 e se credencia para a disputa do cinturão dos médios


A luta entre Alex Poatan e Sean Strickland foi uma das melhores do UFC 276, em Las Vegas, nos Estados Unidos. E o mundo do MMA ficou 'perplexo' com o nocaute que o brasileiro encaixou ainda no primeiro round.

Com o triunfo por nocaute, o brasileiro se coloca dentro do top 3 da categoria e agora espera Israel Adesanya para a disputa do cinturão. E foram muitos os comentários nas redes sociais enaltecendo a apresentação do brasileiro, que precisou de pouco mais de 2 minutos para deixar Strickland 'sem alma' no octógono.

Até mesmo Charles do Bronx, ex-campeão dos leves, se rendeu ao cruzado que o seu compatriota encaixou no rosto do rival.

"Poatan tem dinamite nas mãos. Mano...", escreveu do Bronx, em sua conta oficial no Twitter.

O americano Chris Camozzi, que também é da categoria dos médios, foi outro a se surpreender com o golpe dado por Poatan.

"Alex Pereira tem o melhor gancho de chumbo em esportes de combate. Parece fácil, mas é como o toque da morte", escreveu.

Aljamain Sterling, atual campeão dos galos, foi outro lutador a comentar sobre a vitória do brasileiro.

"Esse cara deve ter marretas nos punhos! Foi INSANO!!", escreveu.

Confira os resultados do UFC 276:

Alexander Volkanovski venceu Max Holloway por decisão unânime dos juízes

Alex ‘Poatan’ venceu Sean Strickland por nocaute

Bryan Barberena venceu Robbie Lawler por nocaute técnico

Pedro Munhoz vs Sean O’Malley terminou sem decisão

Jalin Turner venceu Brad Riddell por finalização

Jim Miller venceu Donald Cerrone por finalização

Ian Garry venceu Gabriel Green por decisão unânime dos juízes

Dricus du Plessis venceu Brad Tavares por decisão unânime dos juízes

André Sergipano venceu Uriah Hall por decisão unânime dos juízes

Maycee Barber venceu Jessica Eye por decisão unânime dos juízes

Julija Stoliarenko venceu Jessica-Rose Clark por finalização.

Veja todos os resultados do UFC 276:

CARD PRINCIPAL

Israel Adesanya (NIG) venceu Jared Cannonier (EUA) na decisão unânime dos jurados (49-46, 49-46 e 50-45) - Cinturão peso-médio
Alexander Volkanovski (AUS) venceu Max Holloway (EUA) na decisão unânime dos jurados (50-45, 50-45 e 50-45) - Cinturão peso-pena
Alex Poatan (BRA) nocauteou Sean Strickland (EUA) aos 2:36 do 1º round - Peso-médio
Bryan Barberena (EUA) nocauteou Robbie Lawler (EUA) aos 4:47 do 2º round - Peso meio-médio
Pedro Munhoz (BRA) x Sean O’Malley (EUA) terminou sem resultado (dedo no olho não intencional) - Peso-galo

CARD PRELIMINAR

Jalin Turner (EUA) finzalizou Brad Riddell (NZL) com uma guilhotina a 0:45 do 1º round - Peso-leve
Jim Miller (EUA) finalizou Donald Cerrone (EUA) com uma guilhotina a 1:32 do 2º round - Peso meio-médio
Ian Garry (IRL) venceu Gabe Green (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-27) - Peso meio-médio
Dricus Du Plessis (AFS) venceu Brad Tavares (EUA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-28) - Peso-médio
André Sergipano (BRA) venceu Uriah Hall (JAM) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-27) - Peso-médio
Maycee Barber (EUA) venceu Jessica Eye (EUA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 30-27) - Peso-mosca
Julija Stoliarenko (LIT) finalizou Jessica-Rose Clark (AUS) com uma chave de braço a 0:42 do 1º round - Peso-galo