<
>

UFC: Ronaldo Jacaré diz que Anderson Silva é 'falso humilde' e detona ex-companheiro de equipe

play
UFC: Deiveson revela por que não quer lutar com Moreno pela 4ª vez; VEJA (1:29)

Brasileiro falou com exclusividade à ESPN (1:29)

"O Anderson é falso humilde. Já vi ele negar foto com fã, destratar algumas pessoas", critica Jacaré


Ex-companheiros de equipe, Ronaldo ‘Jacaré’ e Anderson Silva não parecem ter levado para o âmbito pessoal a relação de parceria que havia nos treinos durante o período em que ambos representavam a extinta ‘X Gym’. Prova disso foi a dura forma com a qual o faixa-preta de jiu-jitsu se referiu ao ex-campeão peso-médio (84 kg) do UFC, em recente participação no programa ‘The Chinelapa Show’.

Durante um quadro do programa no qual o entrevistado decide se a pessoa sugerida pela produção merece ou não levar uma ‘chinelapada’, Ronaldo ‘Jacaré’ classificou o antigo parceiro de treinos como um “falso humilde” e que, portanto, se encaixaria no perfil de alguém que merece uma ‘chinelapada’. Com a experiência de ter convivido com o ‘Spider’ durante anos, o ex-lutador do UFC revelou ter presenciado momentos em que o compatriota agiu de forma diferente do que costuma pregar diante das câmeras.

Apesar disso, ‘Jacaré’ ressaltou que, como atleta, não há nada a ser falado sobre Anderson Silva, e que o considera um dos melhores da história. Mas o capixaba deixou claro que não tem o ex-campeão do UFC, como pessoa, em suas mais altas considerações.

“O Anderson é falso humilde. Já vi ele negar foto com fã, destratar algumas pessoas. Ele é o melhor do mundo, está na história do MMA. Como atleta, ele está na história e foi um dos melhores do mundo”, disparou ‘Jacaré’.

Esta não foi a primeira vez que Ronaldo Jacaré se manifestou contra Anderson Silva. Em 2018, por exemplo, o faixa-preta reclamou do tratamento dado pelo UFC ao ex-campeão peso-médio, após o ‘Spider’ retornar de suspensão por doping e ser cogitado para uma nova disputa de título. À época, o paulista se disse surpreso e deu a entender que não esperava tal postura do ex-parceiro de treinos por, supostamente, tê-lo ajudado no passado.