<
>

Dos Anjos provoca e diz que teria 'gosto especial' em encerrar série de Makhachev no UFC

play
UFC: Americano acerta cotovelada SURREAL e vence sérvio de forma INACREDITÁVEL; VEJA (1:42)

Evento do UFC aconteceu em Las Vegas neste sábado (21) (1:42)

Rafael dos Anjos provocou o desafeto Islam Makhachev


Embora nunca tenham medido forças no octógono do UFC, Rafael dos Anjos e Islam Makhachev nutrem uma rivalidade desde 2020. Os dois ficaram perto de se encararem por três ocasiões, mas por problemas físicos e de saúde nunca puderam lutar. Desde então, ambos os atletas não perdem a chance de se provocar nas redes sociais e aumentam a expectativa por uma futura disputa.

Atualmente, Dos Anjos tem compromisso marcado para o dia 9 de julho, quando enfrenta Rafael Fiziev. Já Islam Makhachev ainda não tem luta marcada e faz uma campanha para ser o próximo rival de Charles ‘Do Bronx’ em disputa do cinturão dos pesos-leves (70 kg) do UFC. Mas o brasileiro já projeta um ‘acerto de contas’ com o europeu.

Em entrevista, o ex-campeão dos leves do UFC se colocou à disposição para enfrentar Makhachev e afirmou que gostaria de ser o responsável para quebrar a longa série invicta do russo no Ultimate. Vale destacar que o parceiro de treinos de Khabib não perde um duelo desde 2015, com dez vitórias seguidas.

“Com certeza (teria um sabor especial encerrar a série positiva dele). Eu tenho vontade de enfrentá-lo, assinei para uma luta com ele quando ninguém queria, em 2020, e para lutar na casa dele, em Abu Dhabi. Mas com certeza teria um gostinho legal (vencer ele)”, disse.

E Dos Anjos não deixou de desferir mais alfinetadas no russo. O ex-campeão dos leves do UFC até destacou alguma qualidade no desafeto, mas minimizou sua trajetória na organização, até o momento. De acordo com o atleta natural de Niterói (RJ), o nome de Makhachev é só valorizado por conta de fortes ‘padrinhos’ no MMA.

“Ele é um lutador duro, russo é sempre duro. Tem força, tem gás, mas só você olhar o currículo dele. Ele não pegou top 5, não pegou ex-campeão. Quando você tem caras como Khabib (Nurmagomedov) e Daniel Cormier falando sempre do cara… Tudo de melhor é o cara. Também tem o mercado russo e tudo alavanca o cara. A gente aqui do Brasil tem que ralar mais um pouco”, completou o atleta de 37 anos.

Rafael dos Anjos e Islam Makhachev tiveram três lutas canceladas no UFC. A primeira aconteceu em outubro de 2020, quando o brasileiro testou positivo para COVID-19. Com o duelo remarcado para novembro daquele mesmo ano, o russo se lesionou. Na terceira ocasião, em outubro de 2021, o ex-campeão do peso-leve da companhia foi quem sofreu a lesão e precisou passar por cirurgia no joelho.