<
>

UFC: Cris 'Cyborg' se manifesta em post e sugere combate com vencedora de duelo que vale cinturão

play
Jailton 'Malhadinho' finaliza americano, bate recorde no UFC e comemora dançando capoeira (1:53)

Evento do UFC aconteceu em Las Vegas neste sábado (21) (1:53)

Cris 'Cyborg' se manifestou em post do UFC e se colocou à disposição para encarar a vencedora da revanche entre Julianna Peña e Amanda Nunes


Atual campeã do peso-pena (66 kg) do Bellator, Cris ‘Cyborg está atenta ao que acontece nas outras organizações de MMA, tanto que costuma se mostrar disposta a fazer duelos contra campeãs de outras ligas. Após deixar em aberto a chance de encarar Kayla Harrison, dona do título dos pesos-leves (70 kg) do PFL, a brasileira sugeriu um outro duelo.

Através das redes sociais, ‘Cyborg’ se manifestou em post do UFC sobre o anúncio da revanche entre Julianna Peña e Amanda Nunes, válida pelo cinturão dos pesos-galos (61 kg) da franquia em julho. A curitibana se colocou aberta para enfrentar a vencedora deste combate.

Cyborg contra a vencedora?”, escreveu a brasileira.

Vale mencionar que essa não é a primeira vez que ‘Cyborg’ tenta um confronto diante de uma lutadora da sua antiga empresa. Desde que saiu do UFC, em 2019, a brasileira já havia deixado clara a vontade de fazer uma revanche contra Amanda Nunes, sua algoz em 2018.

Uma das pioneiras do MMA feminino, Cris ‘Cyborg’ iniciou sua trajetória na modalidade em 2005 e, desde então, acumula um cartel de 26 vitórias, duas derrotas e um ‘no contest’ (sem resultado). Durante a carreira, a curitibana conquistou os cinturões peso-pena do Strikeforce, Invicta FC, UFC e Bellator. A última atuação da competidora aconteceu em fevereiro deste ano, quando venceu Arlene Blencowe e manteve seu título dos penas.