<
>

Bruno Fernandes, Manchester United, é xodó de Jorge Jesus, fã de Ronaldinho e amigo de brasileiros

play
Bruno Fernandes brinca com a filha, fala até 'olé' e criança não gosta (0:27)

Jogador do Manchester United aproveita a quarentena para ter mais contato com a filha (0:27)

Contratado pelo Manchester United no começo deste ano 47 milhões de libras (R$ 371 milhões), Bruno Fernandes caiu nas graças dos torcedores. Em pouco tempo, o português virou um dos destaques da Premier League.

“O United não tinha um jogador com as características dele. Ele chegou, comandou o meio de campo e mudou a cara do Manchester”, disse o atacante Luiz Phellype, que jogou com Bruno no Sporting, ao ESPN.com.br.

O meia português virou um dos maiores xodós do técnico Jorge Jesus (do Flamengo), que foi um dos responsáveis pelo seu crescimento no clube de Lisboa na temporada 2017/18. Até então, o jogador era pouco conhecido até mesmo em seu país natal.

“Ele trabalhou com vários brasileiros ao longo da carreira. Ele andava mais com o grupo dos brasileiros. Eu falava no vestiário que o Ronaldo Fenômeno era o melhor, mas ele dizia que era o Ronaldinho Gaúcho. É o jogador brasileiro que ele mais curte”.

Luiz Phellype ganhava caronas diárias de Bruno aos treinos porque os jogadores moravam perto.

“Além de ter me ajudado dentro e fora de campo, é um amigo que considero no futebol”, elogiou.

Eles se divertiam com as especulações que saíam na mídia internacional sobre o possível destino de Bruno.

“No caminho para o treino a gente falava sobre o que saía nos jornais e brincava com isso porque ele dizia que muitas coisas não eram verdade. Às vezes ele falava alguma que tinha conversado com algum clube, mas eu não ficava perguntando para não ser invasivo", explicou.

“Quando começou a sair mais coisas do United a gente sabia que ele iria sair. Ele fazia algum comentário que dava a entender que iria sair. A gente brincava com ele, que só dava um sorriso."

O atacante conta que o meia fez muita falta para o time, mas que aposta no sucesso do amigo em Old Trafford.

“Eu torci muito para que desse certo por mais que fosse fazer falta para a gente porque substituir o Bruno é impossível. Ele merecia dar um salto e ser recompensado por tudo que fez. Ele escolheu bem, e acho que o United vai voltar a ser o clube de antes”, garantiu.

play
0:27

Bruno Fernandes brinca com a filha, fala até 'olé' e criança não gosta

Jogador do Manchester United aproveita a quarentena para ter mais contato com a filha

“Por incrível que pareça no jogo de despedida dele eu lesionei meu joelho. Eu saí do estádio antes e não vi depois do jogo, não sei como foi. Eu sei que ele falou com todos e fez uma foto. Depois, nós conversamos”, finalizou.