<
>

Corinthians vive impasse em negociação pelo retorno de Robert Renan

Robert Renan em partida do Zenit Maksim Konstantinov/SOPA Images/LightRocket via Getty Images

O Corinthians tenta costurar com o Zenit a volta do zagueiro Robert Renan, apontado como uma das principais revelações recentes das categorias de base do Timão.

Embora tenha interesse em contar com o jovem em 2024, o clube paulista vive um impasse na negociação com os russos.

A ESPN apurou que o Corinthians tem preferência em contar com o jogador por um ano, até dezembro de 2024.

Só que o clube de São Petersburgo quer ceder Robert por um período menor, já que pretende vendê-lo no meio do ano.

Com isso, as partes não conseguem chegar a um acordo em relação ao tempo de empréstimo.

Segundo soube a ESPN, as conversas nos bastidores são acompanhadas pela equipe de Augusto Melo, presidente eleito que assume o cargo apenas no início de janeiro. Ainda assim, já tem trabalhado ao lado da equipe de transição na montagem do elenco para o próximo ano.

A ESPN antecipou na última semana que Robert Renan pensava em uma mudança de rumo após perder espaço no Zenit.

O zagueiro foi envolvido na transferência que levou Yuri Alberto definitivamente ao Corinthians.

Além dele, também seguiram para São Petersburgo o volante Du Queiroz e o atacante Gustavo Mantuan, além da preferência de compra do jovem Pedro, que pouco tempo depois também acabou negociado com o gigante russo.

O jovem brasileiro tem atuado pouco na Rússia, o que levou o atleta e seu staff a repensarem os planos para o futuro do garoto, inclusive não descartando uma volta ao Brasil, segundo revelou a ESPN.

No Campeonato Russo, principal competição disputada pela equipe de São Petersburgo, ele não atua desde 13 de agosto, quando foi titular contra o Fakel Voronezh. Depois disso, disputou apenas partidas da Copa da Rússia, diante de rivais de menor calibre.