<
>

Prêmio ESPN Bola de Prata: Lucas Lima é destaque após mais de dois anos, e Galhardo despenca na briga pela Bola de Ouro

Autor de um gol e uma assistência na goleada do Ceará sobre o Vasco em São Januário, o meia Vinícius foi o maior pontuador da 23ª rodada no 51º Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet. A jornada ainda ficou marcada por uma queda de Thiago Galhardo, o antigo líder do Bola de Ouro, e a aparição de Lucas Lima em uma seleção da rodada após longa ausência.

Em grande fase no Brasileirão, Vina já soma sete gols e quatro assistências e segue na briga pela Bola de Prata entre os meias. Ao final da rodada, pulou para o terceiro lugar entre os meias, deixando Everton Ribeiro para trás.

Depois dessa 23ª rodada, a seleção do Bola de Prata se manteve a mesma da última rodada, mas contou também com a subida de posição de outros jogadores que se destacaram nesses últimos jogos. Entre eles, o lateral esquerdo Reinaldo, do São Paulo, que está em terceiro na disputa pelo prêmio, além de Matheus Henrique, do Grêmio, agora em quarto entre os volantes.

Já entre os atacantes, Luciano, com os dois gols, colou em Thiago Galhardo, do Internacional, que foi mal na rodada após perder um pênalti no empate contra o Atlético-GO. Aliás, o jogador do time colorado caiu para a terceira posição na disputa pela Bola de Ouro, após ter sido o líder por 15 rodadas seguidas.

A seleção do Bola de Prata após a 23ª rodada ficou dessa forma: Tiago Volpi (São Paulo), Isla (Flamengo), Gustavo Gómez (Palmeiras), Diego Costa (São Paulo) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Edenílson (Internacional), Gerson (Flamengo), Claudinho (Red Bull Bragantino) e Arrascaeta (Flamengo); Marinho (Santos) e Thiago Galhardo (Internacional). Técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG).

Palmeiras e São Paulo dominam seleção da 23ª rodada

Com as boas vitórias, Palmeiras e São Paulo foram os times com mais representantes na seleção do Bola de Prata desta última rodada. Após ganhar do Athletico-PR por 3 a 0 no Allianz Parque, o time alviverde colocou o lateral Gabriel Menino (que deu uma assistência), o zagueiro Gustavo Gómez, o volante Patrick de Paula (autor de um gol), o meia Lucas Lima (uma assistência) e o atacante Rony (dois gols).

Lucas Lima, aliás, apareceu entre os melhores de uma rodada pela primeira vez desde a 27ª de 2018. Rony também figura de forma inédita neste ano, ou seja a primeira com a camisa do Palmeiras (pelo Athletico-PR, ano passado, ele entrou três vezes em times de melhores da rodada).

Já o São Paulo, que venceu o Bahia por 3 a 1 em Salvador, teve o zagueiro Arboleda (um gol), o lateral esquerdo Reinaldo (duas assistências) e o atacante Luciano (dois gols). Completaram a seleção da rodada o goleiro Jean, do Atlético-GO, que defendeu um pênalti, o volante Pedro Naressi, do Ceará (que fez um gol diante do Vasco), e o meia Vina, do Ceará, o maior pontuador da rodada.

A seleção da 23ª rodada do Bola de Prata ficou assim: Jean (Atlético-GO), Gabriel Menino (Palmeiras), Arboleda (São Paulo), Gustavo Gómez (Palmeiras) e Reinaldo (São Paulo); Pedro Naressi (Ceará), Patrick de Paula (Palmeiras), Vinícius (Ceará) e Lucas Lima (Palmeiras); Luciano (São Paulo) e Rony (Palmeiras). Técnico: Guto Ferreira (Ceará)

Desde 2017, o prêmio conta com a pontuação composta por 40% de estatísticas (o Algoritmo DataESPN) + 60% das notas dos jornalistas.