<
>

Bola de Prata: Flamengo e Palmeiras perdem um representante cada na seleção Bola de Prata; veja o time

play
'Mauro elege Vasco como maior rival do Flamengo, mas afirma que rubro-negro 'é o maior rival de todos os outros' (1:40)

O líder do campeonato tem outro clássico pela frente no próximo domingo, contra o Fluminense, às 18h (1:40)

Dominante no 50º Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet, o Flamengo perdeu um representante na seleção ideal do Brasileirão após a 26ª rodada. O vice-líder, Palmeiras, não ficou atrás e também teve um jogador saindo do time.

Diego Alves foi o rubro-negro que deixou a escalação dos onze melhores do campeonato, dando lugar para o goleiro que ficou mais jogos sem levar gols no campeonato (14): Douglas Friedrich, do Bahia.

Destaque do tricolor baiano na histórica vitória sobre o Grêmio em Porto Alegre – a primeira do Bahia como visitante desde 1971 por lá – com nota 6,16, Douglas reassumiu a primeira colocação em sua posição com média de 5,76, superando os 5,75 do rival.

Outra mudança na seleção do Bola de Prata ao final desta 26ª rodada foi a entrada do zagueiro Gustavo Henrique, do Santos. Autor do gol da vitória sobre o Ceará, o jogador do Peixe chegou à média de 5,89 e superou a pontuação de Gustavo Gómez, do Palmeiras, que tem 5,84. Agora, o time do técnico Jorge Sampaoli conta com três representantes na seleção do Bola de Prata.

O zagueiro santista apareceu pela terceira vez consecutiva na seleção da rodada, junto de seu companheiro Carlos Sánchez.

Além disso, Thiago Neves deu a volta por cima, garantiu a vitória para o Cruzeiro e o time mineiro voltou a ter um representante na seleção do Bola de Prata.

Junto deles, estão Douglas (Bahia); Madson (Athletico-PR), Juninho (Bahia), Gustavo Henrique (Santos) e Uendel (Internacional); Felipe Melo (Palmeiras) e Carlos Sánchez (Santos); Dudu (Palmeiras), Thiago Neves (Cruzeiro) e Patrick (Internacional); Gustavo (Corinthians).

No entanto, o líder Flamengo segue sendo o time com mais jogadores no Bola de Prata: são seis. E Gabriel, o artilheiro do Brasileirão, é atualmente o Bola de Ouro.

Pelo Palmeiras, apenas Dudu continua entre os melhores do campeonato.

A seleção do Bola de Prata após a 26ª rodada ficou assim: Douglas Friedrich (Bahia), Rafinha (Flamengo), Pablo Marí (Flamengo), Gustavo Henrique (Santos) e Jorge (Santos); Willian Arão (Flamengo), Carlos Sánchez (Santos) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Dudu (Palmeiras), Arrascaeta (Flamengo) e Gabriel (Flamengo).

Desde 2017, o prêmio conta com a pontuação composta por 40% de estatísticas (o Algoritmo DataESPN) + 60% das notas dos jornalistas.

Seleção Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet 2019 após a 26ª rodada: