<
>

Atacante do Inter brilha, desbanca Cristiane e entra na seleção do Prêmio ESPN Bola de Prata Feminino Sportingbet; veja escalação

Além da atacante do Colorado, a seleção conta ainda as entradas de atletas do Grêmio e do Corinthians


O Campeonato Brasileiro Feminino de 2022 voltou após um mês de paralisação e da grande conquista do Brasil na Copa América.

Nesse retorno, Flamengo e Real Brasília garantiram classificação para as quartas de final ao lado de Palmeiras, Internacional, São Paulo e Corinthians. Restam ainda duas vagas que serão conhecidas na última rodada da primeira fase, no próximo final de semana.

O Internacional, vice-líder da competição, conseguiu mais um grande resultado e bateu o Santos por 3 a 2, no Beira-Rio, com uma jogadora a menos desde os 30 minutos do primeiro tempo, quando a zagueiro Sorriso foi expulsa.

A atacante Millene, com dois gols, foi o grande destaque da partida. A grande atuação rendeu uma vaga na seleção do prêmio ESPN Bola de Prata Feminino Sportingbet 2022, deixando a artilheira Cristiane para trás.

A meia Duda Sampaio, das Gurias Coloradas, entrou no segundo tempo e deu uma das assistências na partida, chegando a nove neste Brasileirão (é a líder nesse quesito). Com sua exibição, Duda empatou com a atacante Bia Zaneratto como a melhor na disputa da Bola de Ouro.

A Imperatriz, titular da seleção no título da Copa América, marcou um dos gols da goleada do Palmeiras sobre o Avaí/Kindermann por 6 a 1, e voltou a brigar para ser novamente a Bola de Ouro. Com 9 gols, Bia é a segunda maior artilheira da competição, atrás de Cristiane, do Santos, que tem 13 gols.

Outras novidades na seleção do Bola de Prata após a 14ª rodada foram as entradas da goleira Lorena, do Grêmio (campeão da Copa América), e da zagueira Giovanna Campiolo, do Corinthians, que pegou o lugar de Sorriso, do Inter.

Após a 14ª rodada, a seleção do Bola de Prata Feminino ficou assim: Lorena (Grêmio), Fê Palermo (São Paulo), Giovanna Campiolo (Corinthian), Bruna Benites (Internacional) e Jéssica Soares (Grêmio); Diany (Corinthians), Yayá (São Paulo), Duda (Internacional) e Adriana Leal (Corinthians); Millene (Internacional) e Bia Zaneratto (Palmeiras). Técnico: Maurício Salgado (Internacional).