<
>

Inter sai na frente, mas sofre empate do Brasil de Pelotas pelo Gauchão

Colorado empatou no Beira-Rio por 1 a 1 e perdeu a oportunidade de roubar a liderança do Campeonato Gaúcho do rival Grêmio


Na noite desta quarta-feira (16), o Internacional recebeu o Brasil de Pelotas no Beira-Rio, pela sétima rodada do Campeonato Gaúcho. Os donos da casa até foram melhores na partida, mas, ainda assim, não conseguiram vencer. 1 a 1 foi o placar.

Com o resultado, o Colorado é vice-líder do Gauchão com 12 pontos somados até aqui, a apenas dois de distância do rival Grêmio, primeiro colocado. Enquanto isso, o Xavante vem abaixo, no sétimo posto com 10 pontos.

Pela próxima rodada do Campeonato Gaúcho, o Inter terá pela frente o São José, fora de casa, às 20h00 (de Brasília) da próxima segunda-feira (21). Já o Brasil de Pelotas encara, no domingo (20), o Ypiranga, em seus domínios, às 16h00.

O jogo

Ao longo de toda a primeira etapa, o Internacional, jogando em casa, foi superior ao Brasil. Não a toa, foi para o intervalo na frente. Aos 43 minutos, Paulo Victor, pela esquerda, fez cruzamento para o segundo pau, onde estava Taison, com liberdade, para marcar.

Porém, o Brasil de Pelotas voltou do intervalo mais ligado e logo chegou ao empate. Aos 6 minutos, Marllon descolou ótimo cruzamento pela ponta direita e, dentro da grande área, Paulo Victor saiu da marcação de Heitor e apareceu bem para empurrar para o gol.

Após o empate, o Brasil de Pelotas se fechou e deu a bola ao Inter. A equipe colorada até pressionou em certos momentos, principalmente na reta final, e teve chances de marcar seu segundo, mas não aproveitou.1 a 1 foi o placar final.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 1 X 1 BRASIL DE PELOTAS

GOLS: Taison (Internacional); Paulo Victor (Brasil de Pelotas)

INTERNACIONAL: Daniel; Heitor, Kaíque Rocha, Victor Cuesta e Paulo Victor (Boschilia); Gabriel (D'Alessandro), Johnny, Edenilson, Maurício (Caio Vidal) e Taison; Wesley Moraes (David). Técnico: Alexander Medina

BRASIL DE PELOTAS: Marcelo; Marcelinho, Rafael Castro, Helerson; Gabriel Araújo, Luiz Menezes, Karl, Marllon (Gilberto Alemão) e Luizinho; Paulo Victor e Thiago Santos (Luiz Felipe) Técnico: Jerson Testoni