<
>

Auba, zagueiro desejado pelo Real Madrid e artilheiro 'sensação' do Italiano: que negócios ainda podem acontecer a uma semana do fim da janela

A sete dias do encerramento da janela de transferências nas grandes ligas da Europa, quem poderia mudar de clube ainda para recuperar o futebol de outros tempos? Veja exemplos


A janela de transferências da Europa fecha para as principais ligas no próximo dia 31, o que indica que a última semana de negociações pode ser bastante significante para alguns jogadores e clubes.

Se é verdade que muitos negócios grandes já foram realizados – Barcelona contratou Ferran Torres do Manchester City, Newcastle gastou 37 milhões de libras para ter Kieran Trippier e Chris Wood, enquanto o Aston Villa comprou Lucas Digne e fechou com Philippe Coutinho por empréstimo –, também é provável que muitas outras negociações ainda aconteçam até o fechamento do mercado.

Então, quais jogadores aparecem como os mais prováveis de aparecer em manchetes na imprensa europeia até a próxima segunda-feira? Veja alguns nomes abaixo e a projeção sobre as chances de uma transferência na janela de inverno.

Anthony Martial

Martial deixou muito claro ao Manchester United que quer ir embora neste mês. O atacante de 26 anos iniciou duas partidas da Premier League como titular e só atuou uma vez com Ralf Rangnick, ao entrar a oito minutos do fim na vitória sobre o West Ham.

O francês negou publicamente que se recusou a fazer parte do grupo na partida contra o Aston Villa, como dito pelo técnico. Os dois limparam as arestas, mas isso não muda a situação do jogador.

O Sevilla abordou o United em busca de um empréstimo, mas as conversas pararam assim que o United pediu uma taxa para liberar o jogador, mais o pagamento do salário integral de 200 mil libras por semana. O clube espanhol ofereceu só metade.

Possibilidade de transferência: 8/10

Pierre-Emerick Aubameyang

Auba não chuta uma bola pelo Arsenal desde o começo de dezembro, quando foi deixado de lado por Mikel Arteta e ainda perdeu a braçadeira de capitão, por conta de problemas disciplinares nos bastidores do clube.

O atacante de 32 anos deixou Londres para atuar na Copa Africana de Nações, mas precisou voltar após exames detectarem problemas no coração, como sequelas da COVID-19. O jogador realizou novos testes, que o liberaram para atuar normalmente.

Apesar da frustração de não conseguir fechar com um atacante até agora, o Arsenal segue disposto a se ver livre de Aubameyang e seu alto salário de 350 mil libras semanais. O valor, claro, é um entrave para qualquer interessado, ainda que o Al Hilal, da Arábia Saudita, esteja disposto a levá-lo por empréstimo.

Barcelona e PSG também parecem interessados em um negócio por empréstimo, mas, como o contrato de Aubameyang vai até junho de 2023, o Arsenal precisará avaliar qual o tamanho do prejuízo que está disposto a ter ao liberar o atacante nesta janela.

Possibilidade de transferência: 6/10

Dusan Vlahovic

Conforme noticiado pela ESPN na semana passada, nada menos que oito clubes estão preparados para fazer alguma oferta pelo atacante da Fiorentina ao fim da temporada. Mas Arsenal e Juventus parecem dispostos a negociar uma transferência agora, a fim de bater a concorrência.

A Fiorentina está determinada a manter o jovem de 21 anos, que tem 20 gols em 24 jogos no Campeonato Italiano, números que aumentam as chances do clube de disputar uma competição continental na próxima temporada. O próprio jogador, segundo fontes, estaria preparado para esperar mais alguns meses até escolher a proposta certa.

Mas tudo vai depender do dinheiro. Se Arsenal ou Juventus estiverem dispostos a oferecer 60 milhões de libras pelo antigo jogador do Partizan Belgrado, um acordo pode, sim, acontecer.

Possibilidade de transferência: 5/10

Jesse Lingard

O Manchester United está disposto a liberar Lingard de maneira definitiva, a fim de não perdê-lo como agente livre no fim da temporada. Com o Newcastle parece pronto a fazer uma oferta, o jogador de 29 anos só gostaria de se transferir por empréstimo, para ter a possibilidade de escolher a melhor opção no verão.

Lingard quer deixar Old Trafford depois de não ser escolhido como titular em nenhuma partida da Premier League nesta temporada. O meia adoraria retornar ao West Ham, onde anotou 9 gols em 16 jogos no ano passado, mas o United reluta em ceder o jogador a um rival direto na briga pela Champions League.

Se ele de fato for embora, é provável que Donny van de Beek seja obrigado a continuar, já que o United não vai querer enfraquecer seu elenco no meio da temporada. O holandês, é verdade, ainda não engrenou na Inglaterra, mas tem a versatilidade como trunfo.

Possibilidade de transferência: 9/10

Dele Alli

A ausência do camisa 20 do Tottenham no dérbi contra o Chelsea, no domingo passado, intensificou as especulações sobre o futuro do jogador. Aos 25 anos, Dele Alli perdeu a posição desde a passagem de José Mourinho e nunca mais conseguiu recuperar seu espaço, seja com Nuno Espírito Santo e agora Antonio Conte.

Fontes asseguraram à ESPN que Eddie Howe, treinador do Newcastle, gostaria de contar com Alli, o que faz o clube pensar em uma oferta para contratá-lo definitivamente ou por empréstimo até o fim da temporada.

No passado, Dele Alli atraiu interesse de Manchester United, Liverpool, Real Madrid e PSG, mas, diante da má forma física e técnica dos últimos anos, uma mudança para St. James' Park parece sua única opção para a janela atual.

Possibilidade de transferência: 9/10

Antonio Rudiger

O Chelsea por enquanto foi incapaz de persuadir o alemão a assinar um novo contrato e agora corre o risco de perdê-lo de graça em junho. Se uma transferência agora é improvável, dada a importância de Rudiger ao time de Thomas Tuchel, não é possível descartar algo diante do peso dos interessados.

Real Madrid, PSG, Bayern de Munique e Manchester United são alguns que, segundo fontes confirmaram à ESPN, monitoram com muita atenção o embate entre Rudiger e o Chelsea nos bastidores.

O zagueiro sabe que ou assinará um contrato bastante lucrativo com um dos maiores times da Europa ou ganhará um grande aumento salarial no Chelsea caso espere mais alguns meses. Mas, se algum dos interessados aparecer com uma oferta atraente em Stamford Bridge nos próximos dias, uma transferência surpresa poderia acontecer.

Possibilidade de transferência: 3/10

Aaron Ramsey

Massimiliano Allegri, técnico da Juventus disse que Ramsey voltou ao Reino Unido para cuidar da parte física e definiu o meio-campista como um "jogador de saída".

Aos 31 anos, Ramsey sabe que não tem mais futuro na Juventus e precisa garantir que está fisicamente recuperado para defender a seleção do País de Gales na repescagem para a Copa do Mundo, contra a Áustria, em março.

Seu salário estão na casa de 300 mil libras por semana, o que exige uma redução significativa para que seja possível emprestá-lo a outro clube. O Crystal Palace, que tinha interesse, viu as conversas esfriarem. Agora, Burnley, Newcastle e Wolverhampton parecem ser os destinos mais possíveis.

Possibilidade de transferência: 8/10

Tanguy Ndombele

Antonio Conte está pronto para liberar a contratação mais cara da história do Tottenham a fim de criar espaço na folha salarial para novas aquisições. Ndombele é uma grande decepção nos Spurs, que pagaram 55,4 milhões de libras ao Lyon em julho de 2019.

Ele não atua desde que saiu vaiado pelos torcedores durante a vitória sobre o Morecambe, no começo de janeiro, pela terceira fase da Copa da Inglaterra. Sua reputação permanece alta na França, o que faz o PSG cogitar uma oferta por empréstimo.

Segundo fontes disseram à ESPN, o que vai decidir se Ndombele de fato sairá de Londres é o tamanho do salário que o PSG está disposto a arcar.

Possibilidade de transferência: 6/10

Dean Henderson

O reserva de David de Gea poderia ser emprestado pela sexta vez desde que virou profissional no Manchester United. Tudo para conseguir jogar com regularidade, já que perdeu espaço no elenco após sofrer uma lesão que o tirou da Eurocopa. Também contraiu COVID-19, o que atrapalhou sua sequência.

Como foi titular em só dois jogos na temporada, e também porque perdeu até a posição de reserva imediato para Tom Heaton, Henderson está disposto a sair de Old Trafford. O Ajax aparece como um forte interessado, assim como alguns clubes da Premier League.

Possibilidade de transferência: 8/10