<
>

Por que Alavés é o adversário ideal do Barcelona em semana quente para abafar crise no clube

Buscando uma vitória para acalmar os ânimos nos bastidores e melhorar sua situação em LaLiga, Barcelona não perde para o Alavés desde 2016. Na última derrota, Deyverson marcou um dos gols


O Barcelona vive uma crise dentro e fora das quatro linhas. Em campo, os resultados não estão vindo, o que se reflete na posição do time em LaLiga e em eliminações nas copas. Enquanto isso, o momento nos bastidores também é de tensão.

O problema mais recente nos bastidores do Barça é a situação de Ousmane Dembélé. Com contrato até junho, o atacante recusou várias propostas de renovação e recebeu um ultimato do técnico Xavi. Para resolver o caso, o clube decidiu negociá-lo em janeiro para não perdê-lo de graça.

No entanto, o problema do Barcelona vai além. Os resultados desta temporada estão muito abaixo do esperado para um time de tamanha importância no futebol mundial, mas refletem a crise financeira em que o clube se colocou – o cenário levou à saída do ídolo Lionel Messi para o Paris Saint-Germain em agosto.

Após 20 rodadas, o Barça ocupa a 6ª posição de LaLiga, com 32 pontos, e disputa uma vaga na próxima Champions League. O título é praticamente impossível, já que o líder Real Madrid tem 49 pontos. Além disso, em janeiro, o clube catalão perdeu para o maior rival na Supercopa da Espanha e foi eliminado da Copa do Rei pelo Athletic Bilbao na última quinta-feira (20).

Neste cenário, o Barcelona terá pela frente neste domingo (23) o adversário ideal para abafar a crise, ao menos por enquanto: o Alavés, que não vence o Barça desde setembro de 2016. Desde então, foram 9 derrotas e 2 empates para o time de Vitoria-Gasteiz.

A última vez que o Alavés venceu o Barcelona foi no dia 10 de setembro de 2016, em pleno Camp Nou, pela 3ª rodada de LaLiga. Na ocasião, o técnico Luis Enrique poupou a maioria dos titulares, como Messi, Suárez e Iniesta, de olho em partida contra o Celtic, pela Champions, três dias depois.

O resultado foi uma vitória histórica por 2 a 1 para o time que havia acabado de subir da segunda divisão espanhola. Os gols do triunfo foram marcados por Deyverson, herói do Palmeiras na Conmebol Libertadores de 2021, e Ibai Gómez. O zagueiro Mathieu fez o gol culé.

Após essa derrota, o Barcelona engatou uma sequência de oito vitórias sobre o adversário que durou de fevereiro de 2017 a julho de 2020. O Alavés melhorou nos últimos confrontos, empatando dois dos últimos três jogos, mas ainda assim não conseguiu bater o gigante catalão.

Tentando manter a ‘freguesia’ e espantar a crise, o Barcelona visita o Alavés no Estádio de Mendizorroza neste domingo (23), às 17h (de Brasília), com transmissão ao vivo pela ESPN no Star+.