<
>

Sylvinho confirma dupla de titulares para estreia do Corinthians, abre o jogo sobre 'camisa 9' e reconhece jogar sem centroavante

Em entrevista coletiva, Sylvinho deu sinais sobre o time que irá estrear no Campeonato Paulista


O Corinthians inicia a temporada 2022 em busca de um novo centroavante para a sua equipe. O nome da vez é Diego Costa, centroavante que deixou o Atlético-MG recentemente.

Sylvinho, porém, prefere não falar sobre o jogador. Em entrevista coletiva, o comandante evitou comentar sobre um atleta que ainda não foi contratado, aproveitando para elogiar Mantuan e confirmá-lo como titular na estreia do time no Campeonato Paulista.

“Para mim, é difícil falar de um atleta que não está conosco. É vencedor, extraordinário. Vencedor, joga em alto nível. Diretoria está trabalhando em cima de um atacante, isso já se sabe. O Brasil está buscando um atacante. Mas prefiro privilegiar o grupo e trabalhar com o que temos. Atacante de área temos o Jô. Sem ele, temos outros que podem exercer a função, com outras características”, disse.

“Os demais emprestam velocidade, mas não retenção, dinâmica, mas não profundidade. Tem treinado conosco o Mantuan, muita mobilidade, boa movimentação e vai começar o jogo na terça-feira. Jô chega atrasado, com Covid, dificilmente chega 100% na terça. Temos mostrado movimentações. Grande nível e a responsabilidade é toda nossa de colocá-lo em campo. Já avisei que vai jogar. Responsabilidade da comissão técnica”, completou.

Apesar de buscar um nome para a posição, Sylvinho admitiu que poderá jogar sem um centroavante de ofício ao longo da temporada.

“Penso, sim. Porque a característica que o atleta tem sem ser o Jô, é mobilidade e movimentação. Não podemos pedir para um atleta pesado dar profundidade. Vamos pedir em cima da característica do atleta. Esquece o 4-1-4-1. Desmistificar. Mentira que só jogo no 4-1-4-1”, afirmou.

“Tem outros esquemas em outro time meu. Somos abertos, flexíveis. O atleta está em cima do esquema tático. Pode ocorrer. Precisamos estudá-las para colocar o melhor em campo”, ressaltou.

Sobre a dúvida entre Gabriel e Cantillo iniciando a temporada, Sylvinho ainda deu a entender que o colombiano iniciará a temporada, mesmo com a chegada de Paulinho.

Tendência é o Cantillo. Gabriel é primeiro volante de boa sustentação. Vigoroso. Cantillo inicia e vamos buscar outras alternativas não somente para essa função. Não vemos o Paulinho jogando assim. De repente, um Du Queiroz, marcador, boa chegada. Já fez em sua base a função de primeiro volante”, finalizou.