<
>

Flamengo: Time árabe bate o pé e fará nova proposta milionária por nome importante do elenco, diz jornalista

play
Paulo Sousa tenta definir o Flamengo e dispara: 'Abrange os quatro cantos do mundo' (1:50)

Imagens YouTube: Fla TV | Técnico também descreve como foi conhecer os atletas do time (1:50)

Segundo informações do jornalista Venê Casagrande, o Al-Hilal, da Arábia Saudita, deve subir a proposta para rentar tirar o atacante Michael do Flamengo


O Flamengo ainda segue se movimentando para entregar reforços ao português Paulo Sousa, mas pode ter que brigar também para manter um nome importante no elenco. Após recusar uma proposta de 8 milhões de dólares (cerca de R$ 45 milhões) do Al-Hilal, o Rubro-Negro deve ver uma nova investida da equipe da Arábia Saudita por Michael.

A informação foi revelada pelo jornalista Venê Casagrande em seu canal no Youtube. O nome do atacante é aprovado por Leonardo Jardim, treinador do clube árabe e que teve seu nome ligado ao próprio rubro-negro nos últimos anos.

De acordo com o jornalista, uma nova oferta por Michael deverá chegar ao Flamengo até no máximo a próxima quarta-feira (19). O clube saudita quer fechar o quanto antes o elenco de olho na disputa do Mundial de Clubes da Fifa, uma vez que o prazo para inscrição de atletas no torneio se encerra em 24 de janeiro.

A tendência é de que o Al-Hilal eleve consideravelmente sua proposta para tentar convencer o Flamengo a abrir mão de Michael.

O Rubro-Negro considerou baixa a oferta de 8 milhões de dólares, e não quer negociar o atleta agora com o risco de ter que ir ao mercado, possivelmente pagando uma quantia elevada para uma reposição, e com receio quanto a uma rápida adaptação.

O Flamengo pagou R$ 38,49 milhões entre comissão para empresários e custo de operação para tirar Michael do Goiás e adquirir 80% dos direitos econômicos do atacante no começo de 2020. O jogador tem 105 jogos, marcou 23 gols e deu 14 assistências com a camisa do Rubro-Negro.

Depois de chegar e não agradar sob o comando de Doménec Torrent, Jorge Jesus e Rogério Ceni, Michael brilhou em 2021 sob o comando de Renato Gaúcho, se tornando 'reserva de luxo'.

play
2:04

Paulo Sousa fala sobre ídolos e revela relação especial com Mozer: 'Marcou a história do Flamengo, mas a minha também'

Imagens YouTube: Fla TV | Técnico cita outros grandes jogadores com quem conviveu na carreira