<
>

Ronaldo abre 'caixa-preta' do Cruzeiro e revela quanto tempo o clube vai precisar para voltar a ter equilíbrio

Dono de 90% da SAF do Cruzeiro, Ronaldo concedeu entrevista coletiva nesta terça-feira (11)


Afundado em dívidas, que chegam à marca de R$ 1 bilhão, o Cruzeiro, pelo terceiro ano consecutivo, tentará o acesso à Série A. E o resultado esportivo caminha diretamente ligado ao respiro financeiro.

Em entrevista coletiva concedida nesta terça-feira (11), Ronaldo, comprador de 90% da Sociedade Anônima de Futebol (SAF) do clube mineiro, abriu o jogo sobre a situação vivida pela Raposa.

O 'Fenômeno' afirmou que, junto com o comitê de gestão colocado para organizar o processo da SAF, ainda está 'abrindo as gavetas', mas deixou claro que os períodos turbulentos estão longe de um fim.

"Ainda estamos no processo de análise do clube. Temos uma oferta de compra, no qual a gente ainda está nesse processo de análise do clube. Estamos descobrindo ainda, abrindo todas as gavetas do clube para entender a real situação. Posso adiantar que a situação é muito dura, muito difícil", começou por afirmar.

O dirigente ainda deu um prazo para que o Cruzeiro possa encontrar um equilíbrio. Mesmo com a situação dura, Ronaldo afirmou que está animado para o ano de 2022.

"Vamos precisar de um período longo de no mínimo um a dois anos para encontrarmos um certo equilíbrio no clube. Mas de qualquer maneira, estou muito animado, sou entusiasta de que podemos fazer um time competitivo para buscar os resultados esportivos que a gente espera para este ano".