<
>

Renato Augusto abre o jogo e responde se ainda é possível voltar para a seleção brasileira

Um dos nomes de confiança de Tite na seleção brasileira na Copa do Mundo de 2018, Renato Augusto sabe o que fazer para voltar à equipe em 2022


Renato Augusto é um dos meias mais renomados do futebol brasileiro na atualidade. De volta para o Corinthians desde agosto, o camisa 8 já passa a chamar a atenção dos fãs que pedem seu retorno para a seleção brasileira.

Renato, porém, sabe que sua missão, no momento, vai além de pensar em retornar a vestir a Amarelinha. Em entrevista à ESPN, o meia disse que, apesar de querer voltar, seu foco está na melhora com a camisa do clube, e essa seria a chave para seu retorno.

“Eu acho que tudo é possível no futebol. Tenho praticamente 15 anos de carreira e aprendi que as coisas acontecem quando você menos espera. Eu sempre entendi que você tem que fazer um bom trabalho no seu clube, para poder ter créditos e jogar na seleção”, disse.

“Então, se eu jogar bem, as coisas caminharem bem no clube, vou ganhando créditos para jogar na seleção. Mas se você pensar no acima e não no que tem que fazer agora, as coisas não vão dar certo. Fico feliz por de alguma forma ser lembrado. Mas eu sei que ainda posso evoluir mais. Meu foco agora é atingir meu nível máximo”, completou.

Renato Augusto foi peça-chave do time de Tite até a Copa do Mundo de 2018, sendo titular em boa parte da campanha de preparação, mas perdendo o lugar durante o Mundial. Foi dele o gol na derrota contra a Bélgica.

Ao todo, somando suas partidas antes da chegada de Tite, atuou em 33 jogos com a camisa da seleção e marcou seis gols. Sua última aparição foi em novembro de 2018.