<
>

Jornal revela reunião entre Leonardo e Zidane, detalha planos do PSG e o que pode causar saída de Pochettino

Segundo informações reveladas pelo jornal LeParisien, Zinedine Zidane se encontrou com dirigentes do Paris Saint-Germain no início de novembro e negocia para ser treinador do clube para a próxima temporada


Os bastidores do Parque dos Príncipes estão em ebulição. Segundo informações reveladas pelo jornal LeParisien nesta quinta-feira (25), o Paris Saint-Germain negocia com Zinedine Zidane há algum tempo, e tem conversas para contar com o treinador à frente da equipe. A ideia, no entanto, é de que o técnico iniciasse um trabalho apenas a partir da próxima temporada.

De acordo com o diário, Zizou é uma escolha 'Made in Catar', ou seja: uma decisão tomada por Tamim bin Hamad Al Thani, Emir do Catar e presidente do PSG através da Qatar Sports Investments, fundo que gere o clube.

O LeParisien detalha ainda que uma reunião teria acontecido no início de novembro entre a cúpula de futebol do Paris Saint-Germain, com o brasileiro Leonardo, diretor esportivo do clube, e Jean-Claude Blanc, gerente geral. Eles teriam se encontrado com Zidane no Royal Monceau, um luxuoso hotel na região central de Paris.

A apuração do jornal francês aponta que 'nada está assinado, mas a direção parisiense tem a firme intenção de fazer de tudo para que o francês seja o próximo treinador do PSG, e as coisas estão progredindo'.

Segundo o LeParisien, o treinador estaria aberto ao projeto do clube e com vontade de voltar a trabalhar. Seu nome, inclusive, pode se tornar uma carta na manga do PSG para tentar seduzir Kylian Mbappé a renovar seu contrato, que se encerra no final desta temporada.

A ideia do Paris Saint-Germain seria contar com Zidane na próxima temporada, e terminar a atual ainda com Pochettino no comando. Há dúvidas internas de que Zizou aceitaria começar um trabalho agora, com um estágio avançado dos campeonatos. Tudo isso, claro, pode passar pelo empenho do Manchester United em tirar o argentino do Parque dos Príncipes.

Segundo apuração da ESPN divulgada na última quarta-feira (24), o clube inglês realizou uma abordagem inicial sobre a disponibilidade imediata de Mauricio Pochettino, mas ouviu 'não' do Paris Saint-Germain.

Ainda de acordo com fontes ouvidas pela ESPN, o Manchester United também considera um nome interino até o fim da temporada, e conversou com Ernesto Valverde, ex-Barcelona, para a posição. A ideia é de que um treinador experiente possa comandar o time nas competições para que o argentino assuma no próximo calendário.

Este cenário do Manchester United 'casaria' com o planejamento do Paris Saint-Germain, para que Zidane chegasse ao Parque dos Príncipes após o encerramento desta temporada. Mas no futebol os planejamentos duram tanto quanto permitem os resultados.

Ainda citando a apuração do LeParisien, há desconfiança nos bastidores do PSG sobre a forma como Pochettino conduz o vestiário recheado de grandes estrelas 'e jogadores que pensam que estão acima de tudo', segundo cita uma fonte ouvida pelo jornal. “No Barça ou no Real, não é assim. Com um treinador habituado a gerir estrelas, não seria assim”.

Líder isolado do Campeonato Francês, o Paris Saint-Germain volta a campo no domingo (28), quando encara o Saint-Étienne no Stade Geoffroy-Guichard, com bola rolando a partir de 9h (de Brasília), e transmissão ao vivo pela ESPN no Star+.