<
>

Pochettino é alvo nº1, mas United tem mais oito nomes no radar em lista com 'papa-Champions' e campeão mundial

play
Emocionado, Solskjaer se despede do Manchester United e avisa: 'Nos veremos de novo' (0:49)

Treinador não comanda mais a equipe do Manchester United | CLIQUE AQUI e assista ao melhor da Premier League AO VIVO pela ESPN no Star+ (0:49)

Segundo apuração da ESPN, o Manchester United segue tendo Mauricio Pochettino como primeira opção para o cargo de técnico, mas tem observado outras oito opções


O Manchester United está de volta ao mercado para contratar um novo treinador, pela quinta vez desde a aposentadoria de Sir Alex Ferguson, em 2013, após o fim da passagem de apenas 35 meses de Ole Gunnar Solskjaer no comando do clube.

A ausência de um candidato unânime e disponível levou a diretoria a anunciar que o ex-meio-campista Michael Carrick comandará o temporariamente até que um técnico seja contratado.

Mas embora os proprietários do Manchester United, a família Glazer, estejam começando com uma folha de papel em branco em busca de um novo treinador, há vários candidatos de alta qualidade no radar. Então, quem são os principais nomes a assumir aquele que se tornou um dos empregos mais difíceis do futebol?

Vamos à lista.

MAURICIO POCHETTINO

O treinador do Paris Saint-Germain é a primeira escolha do United para substituir Solskjaer. Mauricio Pochettino também foi o principal alvo para substituir Jose Mourinho em 2018/19, mas o sucesso inicial do norueguês como interino levou o clube a abandonar sua 'perseguição' ao argentino.

Fontes disseram à ESPN que Pochettino está aberto a trocar o PSG pelo United, o que significa que o clube de Old Trafford tem uma oportunidade real de finalmente realizar seu sonha, mas isso não significa que será algo simples.

O treinador assinou um contrato de dois anos com os parisienses e espera-se que o clube da Ligue 1, um dos mais ricos do mundo, exija uma grande compensação caso aceite uma abordagem do United. Apesar de tudo, o histórico de Pochettino em desenvolver uma equipe jovem e com futebol empolgante o tornou a escolha favorita para o Manchester.

BRENDAN RODGERS

Embora o Leicester City tenha lutado esta temporada para reproduzir o desempenho dos últimos dois anos sob o comando de Brendan Rodgers, o ex-técnico de Liverpool e Celtic é considerado por figuras importantes do United como a melhor opção 'doméstica'.

Lesões com jogadores importantes como Wesley Fofana, James Justin e Youri Tielemans prejudicaram a equipe, mas conseguir uma vaga europeia e um título inédito da FA Cup é um sucesso inegável, e isso cabe a Rodgers. Ele também é aclamado como um técnico que oferece um futebol atraente e ofensivo, algo exigido pelos torcedores do United.

A desvantagem é seu passado em Liverpool. O clube não gostaria de ser visto contratando um técnico que foi demitido por seus maiores rivais, mas Rodgers melhorou as equipes onde passou, confirmando que ele tem o histórico de que o United precisa.

ZINEDINE ZIDANE

Um técnico desempregado, com três títulos da Champions League e capacidade comprovada de tirar o melhor proveito de alguns dos maiores nomes do futebol no Real Madrid parece um candidato óbvio.

Mas o fato de o Manchester United ainda não ter contratado Zidane já aponta para dúvidas de ambos os lados quanto a sua adequação para o cargo em Old Trafford.

Fontes disseram à ESPN que Zidane, cujo domínio do inglês é limitado, não tem muita vontade de trabalhar na Inglaterra e que sua preferência seria ser técnico da França ou do Paris Saint-Germain. E apesar de seu histórico de vitórias no Real, fontes do United disseram que existem preocupações sobre sua capacidade potencializar jogadores, ao invés de apenas 'gerenciar egos' das grandes estrelas.

É improvável que Zidane seja técnico do United, mas enquanto estiver disponível, ambas as partes podem ficar tentadas a superar reservas se as opções preferidas, respectivamente, estiverem fora de alcance.

DIEGO SIMEONE

O Fator-X na busca por um treinador para o Manchester United é Diego Simeone, do Atlético de Madrid. O United tentou duas vezes e não conseguiu seduzir o argentino para Old Trafford: em 2013, antes de contratar David Moyes como sucessor de Sir Alex Ferguson, e um ano depois, quando Simeone e Jürgen Klopp recusaram o United antes da chegada de Louis van Gaal.

Simeone nunca mostrou grande desejo de trabalhar na Premier League, mas fontes disseram que ele continua a ser admirado pela liderança do United depois de transformar o Atlético em um adversário consistente para Real Madrid e Barcelona na Espanha.

Depois de dez anos no comando do Atlético, a perspectiva de um novo desafio no United pode agora pesar. E se o treinador de 51 anos mostrar qualquer vislumbre de que estaria interessado, os Glazers poderiam colocá-lo ao lado de Pochettino como um alvo principal.

ERIK TEN HAG

Ten Hag, de 51 anos, é considerado uma estrela em ascensão pelo Ajax, na Holanda. Ex-jogador, cuja carreira se limitou a passagens por Twente, Utrecht e RKC Waalwijk, conquistou uma carreira promissora como treinador, incluindo dois anos na equipe auxiliar do Bayern de Munique, antes de parar em Amsterdam.

Mas embora tenha desenvolvido uma equipe jovem e vibrante, a falta de experiência em uma liga de liga de alto nível torna Ten Hag uma opção arriscada para o United. A transição da Eredivisie para a Premier League é difícil, conforme comprovado recentemente por jogadores como Donny van de Beek e Hakim Ziyech, e o técnico provavelmente precisará dar mais um passo acima antes de enfrentar um desafio tão grande quanto aquele em Old Trafford.

play
0:49

Emocionado, Solskjaer se despede do Manchester United e avisa: 'Nos veremos de novo'

Treinador não comanda mais a equipe do Manchester United | CLIQUE AQUI e assista ao melhor da Premier League AO VIVO pela ESPN no Star+

MICHAEL CARRICK

O ex-meio-campista do Manchester United, que conquistou todos os títulos possiveis durante uma carreira de 12 anos como jogador em Old Trafford, passou de auxiliar para técnico interino após a saída de Solskjaer. Carrick é visto agora como nada mais do que um tapa-buracos até que um treinador principal seja contratado, mas se ele conseguir uma melhora nos resultados, não está descartada a possibilidade de prorrogação até o final da temporada.

Fontes disseram que o United está determinado a seguir o processo de contratação de um técnico, mas tendo elaborado o mesmo plano que deu a Solskjaer o cargo definitivo, Carrick pode se tornar um sério candidato se os resultados lhe favorecerem.

O ex-jogador como treinador permanente é uma hipótese remota, mas dada a abordagem anterior do clube ao contratar um treinador, seria tolice descartá-lo completamente.

GRAHAM POTTER

Fontes disseram à ESPN no mês passado que o United estava preparado para contratar um técnico britânico e, nesse caso, o principal candidato é Brendan Rodgers. Mas Graham Potter é considerado por olheiros como um treinador talentoso, capaz de ter sucesso em um grande cargo na Premier League após sua passagem pelo Brighton.

O fracasso de David Moyes, que foi demitido após menos de um ano no comando do United, seria uma sombra pairando sobre uma contratação doméstica como Potter, e continua sendo um fato que nenhum técnico inglês jamais conquistou o título da Premier League.

Mas se o United perder Pochettino e Simeone, e também não tentar Rodgers, Potter pode ser a melhor opção. Dito isso, o técnico de 46 anos precisa ganhar um troféu com o Brighton nesta temporada, ou guiá-lo até uma competição europeia, para ter esperança real de ser considerado pelo United.

GARETH SOUTHGATE

Ao assinar um novo contrato como treinador da Inglaterra na segunda-feira, apenas 24 horas após a saída de Solskjaer ser confirmada, Gareth Southgate parece ter encerrado qualquer possibilidade de assumir o Manchester United. Com a Copa do Mundo de 2022 em 12 meses, seria difícil imaginar Southgate perdendo a chance de fazer da Inglaterra a campeã mundial.

Dito isso, em termos de confiança nos jovens jogadores, administrando com disciplina discreta e demonstrando disposição para trabalhar dentro de uma estrutura de futebol, Southgate pode ser um alvo potencial do United, especialmente depois de transformar a Inglaterra em um time que agora briga em campo.

Ele é claramente um 'outsider' em qualquer lista de candidatos, mas mesmo com uma Copa do Mundo no horizonte, seria uma grande decisão para um inglês rejeitar a oportunidade de dirigir o Manchester United.

LAURENT BLANC

Se o United mantiver o plano de contratar um técnico interino, apenas até o fim da temporada, o ex-comandante da França e do Paris Saint-Germain, Laurent Blanc será uma boa escolha, mesmo que apenas por sua ligação com o United como jogador sob o comando de Sir Alex Ferguson, entre 2001 e 2003.

O francês de 56 anos está agora no comando do Al-Rayyan, na Qatar Stars League, mas as coisas não estão indo muito bem por lá, com o time em oitavo lugar na liga de 12 times. Blanc teve sucesso no Campeonato Francês com Bordeaux e PSG no início de carreira, ganhando o título da liga e taças com ambas as equipes, mas sua estrela está 'minguando' desde que deixou o clube de Paris em 2016.

Em termos de uma aposta segura, Blanc traria experiência e conhecimento como técnico interino, mas não espere que ele esteja na lista do United como um técnico permanente.