<
>

Corinthians tenta superar 'pedra no sapato' em busca de feito inédito na Libertadores Feminina

Corinthians encara o Santa Fé em final neste domingo (21), mas encara ‘algoz’ do passado em busca do tri


O Corinthians entra em campo neste domingo (21), às 20h (de Brasília), pela final da Conmebol Libertadores feminina contra o Santa Fe, partida com transmissão ao vivo do FOX Sports e pela ESPN no Star+.

Para chegar até aqui, as Brabas trilharam um caminho de glória. Na primeira fase, venceram todos os jogos do Grupo D, marcaram 11 gols e sofreram apenas um. Nas quartas, a equipe de Arthur Elias bateu o Alianza Lima, do Peru, por 3 a 1.

A semifinal foi marcada por um chocolate e um ato contra o racismo. O Timão reencontrou o Nacional, adversário da fase de grupos, e as Brabas mostraram que não são brabas atoa, golearam por 8 a 0 e, após o sexto gol alvinegro, marcado por Adriana, a jogadora foi chamada de ‘macaca’ pela adversária, a equipe brasileira não ficou calada e levantou a bandeira contra o preconceito.

Agora, na grande final, além do tri da América, o time pode se aproximar do fato histórico de ser o primeiro do Brasil a ter uma Tríplice Coroa no futebol feminino, mas, para isso, precisa vencer o Independiente Santa Fe, da Colômbia.

Ao longo da competição, a equipe colombiana fez uma boa campanha e ainda eliminou, nos pênaltis, os brasileiros Avaí Kindermann, nas quartas-de-final, e a Ferroviária, na semifinal. Em ambas disputas, a estrela de Luz Katherine Tapia Ramírez brilhou. Tapia, é uma das melhores goleiras do mundo e pode acabar com o sonho da Tríplice Coroa alvinegra.

Na Libertadores 2020, realizada em março de 2021, O Corinthians deu adeus ao tricampeonato quando perdeu para o América de Cali. Na época, o Timão cedeu o empate nos acréscimos e a partida terminou 1 a 1. O empate levou a decisão para os pênaltis, a goleira colombiana defendeu duas cobranças e colocou o América na final.

E, advinha quem era a goleira que pegou os dois pênaltis? Tapia, a atual atleta do Independiente Santa Fe, e que vem confiante após defender duas cobranças na semifinal.

Por outro lado, a equipe brasileira segue invicta na Libertadores 2021, marcou 22 gols, levou apenas dois e é a favorita para levantar a taça da glória eterna pela terceira vez.