<
>

Libertadores feminina: Corinthians sofre com o calor, mas vence o San Lorenzo na estreia

Com gols de Erika e Yasmim, o Corinthians venceu o San Lorenzo por 2 a 0 na estreia da Libertadores feminina


Em busca do tricampeonato, o Corinthians fez valer o favoritismo e estreou com pé direito na Conmebol Libertadores feminina, nesta quinta-feira (4), ao bater o San Lorenzo sob o forte calor de 37º graus no Estádio Arseno Erico, no Paraguai, pela primeira rodada do grupo D.

Atuais campeãs brasileiras e classificadas para a final do Paulistão depois de eliminar a Ferroviária no último final de semana, as corintianas iniciaram muito bem a quarta participação da equipe no torneio continental, tentando esquecer o resultado da edição de 2020, quando acabaram eliminadas nas semifinais, nos pênaltis, pelo América de Cali.

O Corinthians volta a campo para enfrentar o Nacional (URU), no domingo (7), às 17h30 (de Brasília), com transmissão ao vivo no FOX Sports e pela ESPN no Star+.

O domínio do primeiro tempo foi todo do time brasileiro. No entanto, apesar da maior posse de bola, a equipe de Artur Elias encontrou dificuldade para finalizar e sofreu com o forte calor. Até que aos 45 minutos, Gabi Portilho acertou um chutaço e obrigou a goleira Vanina Correa a fazer uma grande defesa, espalmando a bola para fora. Na cobrança de escanteio, Vic Albuquerque ajeitou de cabeça para Erika testar e abrir o placar para o Corinthians.

Na etapa final, o roteiro se repetiu. As argentinas sequer deram trabalho para Kemelli enquanto as brasileiras seguiram pressionando. Foi então que Yasmim, aos 23, ampliou para a equipe de Artur Elias, após uma falha da goleira adversária. Logo na sequência, o terceiro quase veio com Portilho, no rebote do arremate de Adriana. A partir de então, o Corinthians só administrou o placar com tranquilidade para sacramentar a vitória.

Melhores momentos

Situação do campeonato

Com o resultado, as corintianas somam os primeiros três pontos e assumem a liderança do Grupo D enquanto o San Lorenzo aparece na última colocação.

Vale lembrar que os dois primeiros da chave avançam às quartas de final.

Craque do jogo: Erika

Como se fosse uma atacante e inspirada pelo número de sua camisa (11), Erika não desperdiçou a assistência de Vic Albuquerque a abriu o placar para a equipe corintiana, que, no geral, fez valer o coletivo e não deu qualquer chance de reação às adversárias.

Foi mal: Vanina Correa

A goleira do San Lorenzo e da seleção argentina falhou feio no gol de Yasmim, o segundo do time brasileiro. Em um cruzamento meio que despretensioso, a arqueira não conseguiu defender e apenas aceitou a bola entrar.

Próximos jogos

As duas equipes voltam a campo no domingo (7) para a segunda rodada da competição. O Corinthians enfrenta o Nacional-URU, às 17h30 (de Brasília), com transmissão ao vivo pela ESPN no Star+. Mais tarde, às 19h45 (de Brasília), o San Lorenzo encara o Deportivo Capiatá.

Ficha técnica

Corinthians 2 x 0 San Lorenzo

GOLS: Erika (45' do 1ºT), Yasmim (23' do 2ºT)

CORINTHIANS: Kemelli, Katiuscia, Giovanna Campiolo, Erika, Yasmim, Diany (Andressinha), Gabi Zanotti (Ingryd), Gabi Portilho, Tamires (Jheniffer), Victoria Albuquerque (Grazi), Adriana (Cacau). Técnico: Artur Elias

SAN LORENZO: V. Correa, C. Lopez, S. Ramirez, F. Salazar, G. Vidal, F. Coronel, M. Pereyra, E. Medina, S. Coronel (K. Puentes), N. Hain (Imbachi), D. Molina. Técnico: