<
>

Palmeiras se movimenta e trata com tranquilidade intimação de Felipe Melo para depor à Justiça do Uruguai por briga em 2017

A diretoria do Palmeiras se movimenta nos bastidores para resolver o caso que envolve Felipe Melo e a Justiça do Uruguai. O jogador foi intimado a depor pela briga em 2017 contra o Peñarol na Conmebol Libertadores, mas não retornou ao país para prestar esclarecimentos sobre a confusão.

O ESPN.com.br apurou com pessoas próximas ao clube paulista de que o caso é tratado com tranquilidade. Não existe temor de perder Felipe Melo para a decisão contra o Flamengo, mas existe a garantia que será feito o necessário para que o volante esteja com as obrigações cumpridas com a Justiça.

A grande final da Libertadores entre Palmeiras e Flamengo, no dia 27 de novembro, em Montevidéu, no Uruguai, terá transmissão AO VIVO do FOX Sports e pela ESPN no Star+. Ainda não é assinante? Clique aqui e saiba mais informações.

A confusão generalizada aconteceu depois da vitória do Palmeiras por 3 a 2 no Campeón del Siglo, quando jogadores do Peñarol acusaram o brasileiro de provocá-los. O camisa 30 então deu um soco em Matías Mier e iniciou uma briga que envolveu torcedores dos dois times e membros das duas delegações no túnel de acesso aos vestiários.

Na época, o Ministério Público do Uruguai pediu a detenção do jogador palmeirense para que ele prestasse esclarecimentos, assim como fez com os uruguaios, mas o volante já tinha retornado ao Brasil.