<
>

Manchester United: Solskjaer tem 'tamanho' (e competência) para comandar Cristiano Ronaldo e cia.?

play
Solskjaer tem 'tamanho' e competência para comandar United de Cristiano Ronaldo e companhia? Mário Marra opina (1:50)

Manchester United enfrenta o West Ham no domingo (19), às 10h, ao vivo pela ESPN no Star+ | CLIQUE AQUI e assista a West Ham x Manchester United AO VIVO pela ESPN no Star+ (1:50)

Neste domingo, o Manchester United visita o West Ham, pela 5ª rodada da Premier League, às 10h (de Brasília), com transmissão pela ESPN no Star+.

A partida será mais um teste para o técnico Ole Gunnar Solskjaer, que, apesar de ter colocado os Red Devils na liderança do Campeonato Inglês neste início de temporada, ficou na "corda bamba" após a decepcionante derrota de virada por 2 a 1 para o Young Boys, na última terça-feira, pela Champions League.

Assista a West Ham x Manchester United, neste domingo, às 10h (de Brasília), com transmissão pela ESPN no Star+. Para ter mais informações, clique aqui.

No futebol da Inglaterra, a discussão segue forte: será que o norueguês tem "tamanho" e competência suficientes para comandar um colosso como o United? Ainda mais depois da chegada de Cristiano Ronaldo e de outros reforços de peso na última janela de transferências, como o zagueiro Raphael Varane e o meia-atacante Jadon Sancho.

Solskjaer tem importância indiscutível na história dos "Diabos Vermelhos" como jogador. Afinal, fez 126 gols em 366 partidas pela equipe, mesmo sem nunca ter sido titular absoluto, e conquistou diversos grandes títulos em 11 anos vestindo a camisa do gigante de Manchester. Seu tento mais lembrado foi o da vitória na final da Champions de 1998/99, aos 48 do 2º tempo, contra o Bayern de Munique.

Como treinador, porém, sua história ainda é pequena.

Após comandar com sucesso as equipes de base do United entre 2008 e 2011, ele passou por Molde (duas vezes) e pelo Cardiff City antes de ser apontado como comandante dos Red Devils em 2018, depois da demissão de José Mourinho.

Em quase três anos, seu cartel tem 156 jogos, 87 vitórias, 35 empates e 34 derrotas, o que dá um aproveitamento mediano de 55,77% dos pontos.

Até hoje, Solskjaer não conquistou títulos como treinador dos "Diabos Vermelhos". Ele até chegou perto na final da última Europa League, mas acabou caindo nos pênaltis para o Villarreal, da Espanha, e amargando o vice.

Isso não impediu, porém, que, em julho deste ano, a equipe de Old Trafford anunciasse a renovação de contrato do norueguês por mais três anos, mantendo o atual comandante no cargo pelo menos até 2024 (em teoria...).

Mas será que Solskjaer é mesmo o homem ideal para comandar o Manchester United agora, e também no futuro?

Veja a opinião dos especialistas dos canais esportivos do grupo Disney:

Paulo Andrade

Narrador e apresentador

Eu acho que a temporada 2021/22 tem que ser um ano de respostas para o Solskjaer. Será uma temporada com uma pressão que ele ainda não viveu no Manchester United.

Ele ainda é um técnico em formação e, de certa maneira, participou de um bom processo de formação de um grande United desde que chegou ao cargo de técnico, em 2018.

Quando ele assumiu, estava tudo muito bagunçado em Old Trafford. O United, depois da saída de Alex Ferguson, não se acertou com treinadores. Teve José Mourinho, que ganhou dois títulos, mas nem o Special One conseguiu levar o clube à disputa do título da Premier League. Mesmo quando foi vice-campeão, só foi vice, não chegou a disputar o título com o City, que disparou.

Estava tudo muito bagunçado. O United gastou mais de 1 bilhão de libras em jogadores depois da saída do Ferguson, em 2013. Fez muitas contratações equivocadas, cometeu muitos erros administrativos. Era necessário limpar a casa. Por isso, digo que o Solskjaer foi muito mais que um treinador desde que foi contratado.

Ele foi um "seletor de elenco" e participou diretamente de negociações, aprovando chegadas e saídas. Então, ele tem méritos. Merece estar, neste momento, no comando do United, mas também merece ser cobrado, e de maneira bem mais forte do que foi quando chegou, nesta temporada 2021/22.

Isso porque o United, hoje, já parece ter um time maduro, muito mais bem armado, tem um elenco com "cara" de United, e muito por méritos dele. Mas ele vai ter que arcar com as consequências do bom trabalho de renovação que conduziu e do qual participou ativamente nos últimos tempos.

Então, respondendo a pergunta: sim, ele tem crédito neste momento para comandar o Manchester United, mas é necessário que, nesta temporada, ele dê respostas bem mais contundentes do que as que já deu desde que chegou.

Natalie Gedra

Repórter

Foi muito importante ter dado um tempo para o Solskjaer no comando do United, de forma a trazer estabilidade a um clube que vinha trocando constantemente de treinadores desde a saída de Alex Ferguson. Foi uma forma de dar uma cara e uma continuidade a esse processo de tentar resgatar o que era o Manchester United antes.

O Solskjaer é um cara extremamente bem relacionado no clube, seja pela grande história dele como jogador, mas também pelo bom relacionamento que ele tem com diretoria, funcionários e comissão técnica. Os jogadores gostam dele e ele tem esse diálogo om todos.

Solskjaer foi muito importante no processo que vem ocorrendo no United há alguns anos. Por isso, ele tem muito crédito, sim. Não só ele trouxe uma cara para essa reformulação do clube, como também conseguiu implementar um espírito coletivo, de equipe que atua efetivamente como time. Esse é um processo que foi se desenvolvendo, e no final da temporada passada foi possível vê-lo claramente.

Ele e sua comissão conseguiram aumentar o rendimento de vários jogadores, criando assim bons relacionamentos dentro do clube. Mas agora, não só pelas grandes contratações, mas também por causa delas, e principalmente porque estamos falando de um dos maiores clubes do mundo, no qual existe uma expectativa enorme, ele precisa ganhar um título. Ele precisa porque esse é o Manchester United.

Quando você trabalha em um gigante dessa estatura, que tem esse tipo de pressão e expectativa, é assim que funciona. E o Solskjaer está ciente disso. Ele sempre deixou muito claro em suas entrevistas que precisa ganhar um título, e ele sabe que precisa fazer isso nessa temporada. Então, realmente, é o momento de dar uma resposta maior.

Ele já passou por alguns momentos de grande pressão. Já foi, também, muito criticado. Por outro lado, muitos jogadores também vão à imprensa inglesa e defendem o Solskjaer, pois ele é muito querido no meio por todos que já trabalharam com ele. Mas a pressão ainda assim é grande.

A torcida, por sua vez, segue apoiando o Solskjaer, porque ele tem um carinho enorme por parte dos fãs. No estádio, nesta temporada mesmo, a torcida segue cantando muito o nome dele. É bem legal de ver, porque a torcida acredita nele e no projeto. Mas claro que todos esperam muito um título. Portanto, essa temporada é mais decisiva.

Para o Solskjaer, cosneguir um título fará com que a desconfiança em torno dele diminua consideravalmente. E não ganhar nada de novo seria péssimo para ele, muito ruim mesmo. Não falo nem em ganhar a Premier League, mas qualquer título. Antes de tudo, o time precisa jogar bem, e isso vai acontecer, porque já vinha acontecendo no final da temporada passada. Mas a equipe precisa ganhar bem e conquistar títulos. E se não ganhar a Premier League, tem que ao menos brigar até o fim, assim como chegar nas fases finais da Champions.

Mário Marra

Comentarista

play
1:50

Solskjaer tem 'tamanho' e competência para comandar United de Cristiano Ronaldo e companhia? Mário Marra opina

Manchester United enfrenta o West Ham no domingo (19), às 10h, ao vivo pela ESPN no Star+ | CLIQUE AQUI e assista a West Ham x Manchester United AO VIVO pela ESPN no Star+

João Castelo-Branco

Repórter

Na minha opinião, Solskjaer fez um trabalho fundamental no Manchester United até aqui. Mas fico na dúvida se ele será um Lampard ou um Zidane. Aí eu ja não sei, mas minha sensação é que está mais para o caminho do ídolo do Chelsea.

O Manchester United viveu anos muito conturbados após Sir Alex Ferguson. Tentaram Moyes, Van Gaal e Mourinho e ninguém deu certo. O clube parecia instável e sem rumo. Longe dos rivais. Solskjaer é um cara com energia boa, um diplomata, criou um clima legal no elenco, conseguiu amenizar os problemas internos e ainda foi um escudo para diretoria e os donos diante de uma torcida insatisfeita.

A distância para os rivais diminuiu. Conseguiu voltar e ficar no top 4. Foi um bom trabalho. O United parece ter em mão os ingredientes para brigar por títulos. Mas os resultados, principalmente na Champions League, nesta e na temporada passada refletem uma instabilidade no time.

Lampard fez um ótimo trabalho no Chelsea dentro das circunstâncias que o clube vivia. Mas vemos os benefícios de um técnico de alto escalão assumindo as rédeas. A questão é essa: Solskjaer arrumou a casa, mas é o cara certo dar o próximo passo?

Na época que o Pochettino estava dando sopa no mercado, eu achei uma mancada o United não ter contratado o argentino. Porém, Solskjaer sempre conseguiu superar as expectativas, após um momento difícil acabou fechando bem a temporada na Premier League. Fez merecer a chance que está tendo mas ainda não me convenceu totalmente.

Com os investimentos da última janela, a capacidade dele será testada e agora com muita pressão após cada tropeço.