<
>

Diretor do Bayern diz que saída de Messi era imprescindível, mas opina: 'arrancaram a alma' do Barcelona

play
Champions: Lewandowski faz dois gols, Bayern dá show e passa fácil pelo Barcelona no Camp Nou; veja como foi (0:55)

Além dos dois gols do polonês, Thomas Müller marcou no triunfo por 3 a 0 (0:55)

O Barcelona sofreu uma derrota acachapante para o Bayern de Munique pela estreia da Champions League. No Camp Nou, o 3 a 0 aplicado pelos alemães fez o diretor do clube, Karl-Heinz Rummenigge, afirmar que 'arrancaram a alma' do clube.

O Barcelona volta a campo na próxima segunda-feira, contra o Granada, por LaLiga, às 16h (de Brasília), com transmissão pela ESPN no Star+. Para ter mais informações, clique aqui.

Em entrevista ao jornal alemão Bild, o dirigente, que é ex-atacante e um dos maiores ídolos da Alemanha, chegou a citar Lionel Messi para falar do difícil momento atravessado pelo clube do Camp Nou.

"Se olharmos para a equipe do Barcelona, para o desempenho tático sem Messi, arrancaram a alma. Vivem tempos difíceis, era imprescindível vendê-lo", disse Karl-Heinz Rummenigge, antes de dizer que a contratação do argentino pelo Bayern jamais foi pensada.

"Esse assunto nunca foi colocado na mesa".

Sobre a vitória, o dirigente falou em pensar jogo a jogo e afirmou que só falará em favoritismo após o encerramento da fase de grupos.

"Jogamos melhor e merecemos a vitória. É muito cedo para falar em favoritos, só podes pensar nisso depois da fase de grupos".

Com o resultado, o Bayern vai a 3 pontos e assume a liderança do grupo E, enquanto o Barcelona vai para a lanterna. Benfica e Dínamo de Kiev completam a chave.