<
>

Champions: Juventus toma sufoco no início, mas supera Malmo sem dificuldades em estreia

A Juventus espantou a zica do Italiano em grande estilo. Nesta terça-feira (14), a equipe visitou o Malmo pela primeira rodada da fase de grupos da Champions League e venceu por 3 a 0, com gols de Alex Sandro, Dybala e Morata.

A partida começou ruim para a Velha Senhora, com o time sueco a pressionando em seu campo de defesa. Mas, aos 23 minutos, em cruzamento de Cuadrado, Alex Sandro deu quase um peixinho de cabeça para abrir o marcador.

A repercussão de toda a rodada da Champions League, você acompanha no Futebol no Mundo e no Sportscenter, pela ESPN no Star+. Clique aqui e saiba mais!

Aos 45, Morata sofreu pênalti e Dybala foi para a bola. Mesmo com cobrança rasteira, no meio, o argentino conseguiu deslocar Diawara e ampliou. No lance seguinte, Morata recebeu bom passe na área e deu apenas um toque para fazer o terceiro.

Já na segunda etapa, Moise Kean marcou o quarto ao driblar o arqueiro adversário, mas o impedimento foi assinalado e o lance, anulado.

Situação do campeonato

A Juve passa a liderar o grupo H, na frente do Chelsea pelos gols marcados, enquanto o Malmo fica em último pelo número de bolas em suas redes.

O craque do jogo: Morata

Contestado, o centroavante teve participação muito efetiva ao sofrer a penalidade que gerou o segundo gol e conseguir marcar o terceiro. Será esse o ano do espanhol?

Para despachar a zica?

Na atual temporada, em jogos oficiais, a Juventus conquistou sua primeira vitória. Nas três primeiras rodadas do Campeonato Italiano, o time foi derrotado duas vezes e empatou a outra partida.

Próximos jogos

A Velha Senhora volta a campo no final de semana pelo campeonato nacional, quando enfrenta o Milan. Esta partida terá transmissão pela ESPN no Star+. O Malmo joga contra o Djurgaden.

Ficha técnica

Malmo 0 x 3 Juventus

GOLS: Alex Sandro, Dybala e Morata (JUV)

MALMO: Diawara; Berget, Amedhodzic, Nielsen, Brorsson e Rieks (Olsson); Innocent (Nanasi), Christiansen e Rakip (Nalic); Birmancevic (Abubakari) e Colak. Técnico: Jon Dahl Tomasson

JUVENTUS: Szczesny; Danilo, Bonucci, De Ligt (Rugani) e Alex Sandro; Cuadrado (Kulusevski), Bentancur (McKennie), Locatelli e Rabiot. Dybala (Ramsey) e Morata (Kean). Técnico: Massimiliano Allegri