<
>

Palmeiras: Felipe Melo compara River ao Corinthians e diz que jamais jogaria no clube, mas coloca Gallardo até acima de Abel Ferreira

play
Abel Ferreira afirma que Palmeiras 'continua contando' com Felipe Melo: 'Estou muito contente com ele' (0:58)

Técnico falou com a imprensa após a vitória sobre o Atlético-GO (0:58)

Felipe Melo tem contrato com o Palmeiras válido até o final deste ano e ainda não sabe se permanecerá no clube para a próxima temporada. Enquanto aguarda uma definição, o volante comenta sobre o seu futuro e descarta jogar no maior rival do Boca Juniors, clube pelo qual sempre nutriu simpatia.

Em entrevista ao canal argentino TyC Sports, o "Pitbull" comentou sobre a impossibilidade de defender a camisa do River Plate, traçando um paralelo com o arquirrival do Verdão.

Os jogos de Boca e River pelo Campeonato Argentino têm transmissão pela ESPN no Star+. Para ter mais informações e assinar, clique aqui.

"Não (jogaria)! (O River) É como o Corinthians. Escutei que o Corinthians me queria. Como vou jogar no Corinthians? Uma parte minha é verde, não posso. E não é porque eu não gosto do Corinthians, é por respeito. Se amo o Palmeiras, como jogaria no maior rival? Eu nunca joguei pelo Boca, mas gosto do clube", disparou o jogador.

Apesar disso, Felipe Melo exaltou muito o treinador dos Millonarios, Marcelo Gallardo, colocando o Muñeco, como é conhecido, acima até mesmo de Abel Ferreira, comandante palestrino.

"Para mim, o Muñeco está acima de todos na América do Sul. É um grande treinador", afirmou.

"Quando eu me aposentar do futebol e for tentar carreira de treinador, seguramente vou estudar tudo o que Gallardo faz", completou.

play
2:34

Facincani critica direção do Palmeiras ao falar sobre futuro de Felipe Melo: 'Eu renovaria por mais um ano'

Comentarista disse que volante ainda poderia 'ter grande papel' no clube paulista

Maurício Galiotte já foi claro ao dizer que não renovará com Felipe Melo. Dessa forma, o jogador terá que aguardar a eleição do novo presidente clube, em novembro, para conhecer as intenções do substituto do atual mandatário do Verdão.

Mesmo com o impasse, o volante garante que o Alviverde virá sempre em primeiro lugar.

"Eu dou a prioridade para o Palmeiras, porque fui campeão de tudo e sou capitão da equipe. Se o Palmeiras não me quiser e o Boca quiser, teremos que conversar. Aqui no Brasil, meu nome toma grandes proporções nos debates. Tenho que deixar claro que eu amo o Palmeiras. Caso o contrário, começam a dizer que eu estou querendo sair para o Boca ou para outro", salientou.

Sobre sua idolatria pelo Boca, o "Pitbull" lembrou do lendário zagueiro Rolando Schiavi, multicampeão com o clube argentino e conhecido pelo jeito bastante "indelicado" dentro de campo.

"Quando era pequeno, vi uma partida do Boca, que tinha o Schiavi em campo. Ele dava cada porrada! Eu gostava muito", sorriu.

Desde que estreou pelo Palmeiras, em 2017, Felipe Melo soma 213 partidas e 12 gols pelo clube.

Na atual temporada, o volante já disputou 32 jogos.