<
>

Médico detalha atendimento a Eriksen e diz o que salvou vida do meia; técnico se emociona e agradece jogadores

play
Eriksen cai desacordado em campo no jogo de estreia da Dinamarca na Eurocopa (1:45)

A cena chocante aconteceu aos 42 minutos do primeiro tempo. Eriksen recebeu uma cobrança de lateral pelo lado esquerdo do campo, mas imediatamente desabou no gramado, já desacordado. (1:45)

O meia Christian Eriksen passou por um susto durante a estreia da Dinamarca na Eurocopa contra a Finlândia ao desmaiar no gramado no final da primeira etapa. Depois de longo atendimento no gramado, o jogador foi levado, já acordado, para exames no hospital.

Após a partida, que foi retomada quase duas horas após o ocorrido, o médico da seleção dinamarquesa confirmou que o meia recebeu massagem cardíaca e explicou o procedimento feito. Disse também que o atendimento rápido fez toda a diferença para Eriksen.

“Foi bem claro que ele estava inconsciente. Quando cheguei, ele estava virado de lado, respirando e conseguia sentir seu pulso, mas do nada isso mudou. Começamos a fazer massagem cardíaca”, disse.

“Com a ajuda rápida advinda da equipe médica e do resto da equipe, nós fizemos o que tínhamos de fazer, conseguimos trazer Eriksen de volta. Ele falou comigo antes de ser levado pro hospital para fazer mais exames”, explicou.

Na mesma coletiva, o técnico Kasper Hjulmand falou sobre como os companheiros ficaram após o ocorrido e destacou, já emocionado, o quanto Eriksen é querido dentro do elenco.

“Há jogadores que estão completamente acabados emocionalmente. Jogadores que, na maioria dos dias, não poderiam jogar esta partida. Eles se abraçaram. Foi uma experiência traumática. Era algo para o qual todos poderiam dizer não”, afirmou.

“Christian é um dos melhores jogadores, mas é uma pessoa ainda melhor. Foi uma noite muito difícil onde todos nos lembramos o que é o mais importante da vida. Esses aqui são relacionamentos significativos. São pessoas que temos perto de nós. É família e amigos”, finalizou.