<
>

Higuaín tem só 3º maior salário da MLS, e ex-São Paulo é melhor brasileiro, mas só em 26º; veja ranking milionário

Entre as ligas do futebol mundial que paga melhor os seus jogadores, a Major League Soccer (MLS) vem crescendo cada dia mais e, por sua vez, atraindo o interesse de estrelas que atuam nos principais centros do esporte, entre eles Brasil e Europa. E nesta quinta-feira (13), como de costume ano após ano, o site "MLS Players Association" divulgou o ranking dos atletas mais bem pagos na principal liga norte-americana, com o atacante mexicano Carlos Vela, do Los Angeles FC, na ponta, e o ex-Real Madrid e Juventus Gonzalo Higuaín, do Inter Miami, apenas em 3º.

A lista traz a relação de todos os jogadores contratados por franquias da MLS até o dia 15 de abril deste ano e é dividida em dois parâmetros, que somados revelam os ganhos totais de cada atleta: o salário base anual de cada jogador, mais a compensação média anual, ou seja, todos os bônus que recebe anualmente, incluindo a assinatura do contrato.

Por exemplo, um jogador que ganha um salário base anual de 500 mil dólares (R$ 3,1 milhões nas cifras atuais) e que tem um contrato de dois anos e recebeu um bônus de assinatura de 100 mil dólares (R$ 634,9 milhões) , terá remuneração anual média garantida de 525 mil dólares (R$ R$ 3,33 milhões).

A partir destas contas, lideram o top-10 de mais bem pagos da MLS*:

1º - Carlos Vela (LA FC) - R$ 40 milhões

2º - Javier Hernández (LA Galaxy) - R$ 38 milhões

3º - Gonzalo Higuaín (Inter Miami) - R$ 36,7 milhões

4º - Alejandro Pozuelo (Totonto FC) - R$ 29,8 milhões

5º - Josef Martínez (Atlanta United) - R$ 24,7 milhões

6º - Jozy Altidore (Toronto FC) - R$ 22,8 milhões

7º - Rodolfo Pizarro (Inter Miami) - R$ 21,2 milhões

8º - Maxi Morález (New York City FC) - R$ 20,8 milhões

9º - Victor Wanyama (Montreal) - R$ 19,6 milhões

10º - Franco Jara (FC Dallas) - R$ 18,9 milhões

*Valores em Real

Em relação aos jogadores brasileiros, que também são alguns na MLS, o mais bem pago é o atacante Brenner, do Cincinnati FC. O ex-São Paulo é o 26º da lista e, anualmente, recebe R$ 11,1 milhões.

Atrás dele, vêm também como destaques no quesito salarial o meia Éverton Luiz, do Real Salt Lake, que leva R$ 8 milhões, o volante ex-Botafogo João Paulo, do Seattle Sounders (R$ 6,6 milhões), e ainda o zagueiro Matheus Bressan, ex-Grêmio e que está no FC Dallas (R$ 3,6 milhões).