<
>

Libertadores: Palmeiras vence Defensa y Justicia com dois gols de Rony e abre vantagem na liderança

O Palmeiras seguiu sua campanha 100% e venceu o Defensa y Justicia por 2 a 1, nesta terça-feira, na Argentina, pela 3ª rodada do grupo A da Conmebol Libertadores.

O Halcón jogou muito desfalcado, já que teve 15 casos de COVID-19 entre seus jogadores nos últimos dias, mas vendeu caro a derrota. Rony marcou duas vezes, repetindo o doblete que havia feito na última rodada, enquanto Tripichio descontou para os anfitriões.

Com o resultado, o time comandado por Abel Ferreira vai a 9 pontos em 3 jogos e abre 5 pontos sobre o próprio DyJ, que tem 4 e está em 2º.

Nesta quarta-feira, Independiente Del Valle e Universitario jogam às 19h (de Brasília) para completar a 3ª rodada.

Em campo, o Defensa, esfacelado por desfalques, preferiu se postar atrás e deu a bola ao Palmeiras, que passou a ter quase 70% da posse.

O Verdão, porém, mostrava dificuldade em finalizar, enquanto os argentinos tentavam espetadas em contra-ataques com chutes rápidos ao gol para assustar Weverton.

O Alviverde só foi conseguir chutar pela 1ª vez aos 33, quando Victor Luís mandou uma bomba de fora da área e o goleiro Unsain defendeu em dois tempos.

A resposta dos argentinos veio aos 39, quando Loaiza também arriscou de longe e viu Weverton espalmar por cima.

E, aos 45, veio a melhor chance do jogo: Patrick de Paula roubou a bola no meio e enfiou para Rony. Cara-a-cara com o goleiro, o camisa 7 chutou forte, mas a bola explodiu no peito do arqueiro.

Na volta dos vestiários, Abel Ferreira mexeu no Palmeiras: sacou Danilo, que caiu muito no 1º tempo, e colocou Felipe Melo.

O Verdão retornou atento e, logo no 1º minuto, abriu o placar na Argentina.

Após roubada de bola de Patrick de Paula no meio, Luiz Adriano foi acionado. O atacante enfiou bola perfeita para Rony, que bateu na saída do goleiro.

O clube da casa sentiu muito o gol, se desorganizou totalmente e passou a deixar o time brasileiro totalmente no comando.

A partir daí, ficou fácil: aos 10 minutos, Raphael Veiga puxou o contra-ataque, Luiz Adriano deu bola perfeita e Rony concluiu com perfeição para fazer seu 2º na noite.

Mas o Defensa, mesmo muito desfalcado, era guerreiro, e conseguiu descontar em uma cobrança de falta lateral.

Aos 22, após cruzamento para a área, Tripichio resvalou e mandou para o fundo das redes de Weverton.

O Verdão tentou responder rápido e quase marcou aos 25, em cruzamento de Luan que Raphael Veiga pegou mal de cabeça, desperdiçando grande chance.

Mas os argentinos se animaram bastante após diminuírem, e passaram a pressionar pelo empate. Com isso, Abel trocou Patrick de Paula, cansado, e colocou Danilo Barbosa.

O Defensa seguiu melhor, e teve chance de ouro para empatar aos 42: Bou recebeu bom cruzamento e testou firme, mas Weverton conseguiu agarrar sem dar rebote.

Apesar da pressão, o Palmeiras segurou a vitória até o apito final e garantiu os 3 pontos na Argentina.

Ficha técnica

Defensa y Justicia 1 x 2 Palmeiras

GOLS: Defensa y Justicia: Tripichio Palmeiras: Rony (2)

DEFENSA Y JUSTICIA: Unsain; Juan Rodríguez, Breitenbruch e Brítez; Matías Rodríguez, Loaiza, Tripichio, Benítez e Gallardo (Rius); Hachen e Bou Técnico: Sebastián Beccacece

PALMEIRAS: Weverton; Gustavo Gómez, Luan e Renan; Marcos Rocha, Danilo (Felipe Melo), Patrick de Paula (Danilo Barbosa), Raphael Veiga e Victor Luís; Rony e Luiz Adriano (Wesley) Técnico: Abel Ferreira

Estatísticas

O Defensa teve 15 desfalques por COVID-19, sendo 6 titulares

O Palmeiras teve 66% de posse de bola no 1º tempo

O Defensa finalizou 8 vezes no 1º tempo, contra 5 do Palmeiras

4º e 5º gols de Rony em 10 jogos pelo Palmeiras na temporada

Rony chegou a 9 gols em 14 jogos de Libertadores pelo Palmeiras

Rony chegou a 4 gols na atual Libertadores

Luiz Adriano deu 2 assistências para o Palmeiras

gol de Tripichio em 7 jogos pelo Defensa y Justicia na temporada

O Palmeiras terminou o jogo com 54% de posse de bola

O Defensa terminou o jogo com 16 finalizações, contra 9 do Palmeiras


Classificação

GRUPO A
1.
Palmeiras: 9 pontos
2. Defensa y Justicia-ARG: 4 pontos
3. Independiente Del Valle-EQU: 1 ponto
4. Universitario-PER: 0 ponto


Próximos jogos

As equipes voltam a campo nos próximos dias.

  • Quinta-feira, 06/05, 21h*, Palmeiras x Santos, Paulistão

  • Sábado, 08/05, 15h30*, Atlético Tucumán x Defensa y Justicia, Argentino

*horário de Brasília