<
>

Champions League feminina: Barcelona x PSG e Chelsea x Bayern de Munique definem finalistas; canais ESPN e ESPNApp transmitem ao vivo

play
Clássico na Inglaterra, semifinais da Champions League feminina e a NBA: os destaques de sábado e domingo no ESPN App (1:57)

Mariana Spinelli destaca os melhores eventos do seu final de semana (1:57)

O domingo será de grandes emoções na Champions League feminina. A partir das 7h (horário de Brasília), o invicto Barcelona, com 25 vitórias em 25 jogos no Campeonato Espanhol, enfrenta, na Espanha, o Paris Saint-Germain, que eliminou o papa-títulos Lyon da competição. O jogo terá transmissão ao vivo da ESPN Brasil e do ESPN App.

Após o 1 a 1 no último sábado (24), pela ida das semifinais, na França, o time catalão pode até empatar em 0 a 0 que mesmo assim garante vaga na decisão por conta do gol fora de casa. Caso ocorra um empate por dois ou mais gols, a classificação será da equipe parisiense, que tem a brasileira Formiga - nova igualdade em 1 a 1 leva a disputa para prorrogação e depois, se necessário, para os pênaltis

A segunda vaga para a final será definida na sequência, entre Chelsea e Bayern de Munique, a partir das 8h30 (também no horário de Brasília), com tranmissão ao vivo da ESPN 2 e do ESPN App. E o embate põe frente a frente as líderes dos seus respectivos campeonatos nacionais.

Na ida, vitória alemã em casa por 2 a 1. Qualquer empate na Inglaterra classifica o Bayern, porém, vitória por 1 a 0 já serve para os Blues irem à sonhada final.

Independentemente dos clubes que passarem, ambos protagonizarão uma final inédita, e PSG e Chelsea podem fazer ainda mais história - o título será definido em jogo único em 16 de maio, em Gotemburgo, na Suécia.

Isto porque os times masculinos também estão na semifinal da Champions League, e nunca uma agremiação foi campeã do masculino e do feminino na mesma edição.

Se as mulheres das equipes francesa e inglesa passarem, restará aos colegas homens, contra Manchester City e Real Madrid, respectivamente e nas próximas terça (4) e quarta-feira (5), também garantirem vaga e manterem a chance de o fato inédito acontecer.