<
>

Corinthians: Gaviões da Fiel emite nota cobrando jogadores e pede saída de técnico Vagner Mancini

play
Dani Alves tira noite para responder perguntas de fãs, aponta melhor do mundo e afirma: 'Tenho vaga em qualquer time' (1:25)

Via: @danialves (1:25)

Nesta última sexta-feira (16) o Corinthians empatou em 1 a 1 com o São Bento, na Arena, pelo Campeonato Paulista, e somou o seu segundo tropeço consecutivo no estadual. Neste sábado (17), em nota oficial, a Gaviões da Fiel, principal torcida organizada do time, fez uma cobrança pelos últimos resultados negativos e inclusive pediu a saída do técnico Vagner Mancini.

No comunicado, a Gaviões entende que, apesar do Timão ser líder no Paulistão, o time tem uma extensa lista de números negativos, incluindo passes errados, desarmes sofridos, finalizações erradas e bolas perdidas na competição.

A organizada ainda citou o fato de não poder ir até o CT Joaquim Grava "cobrar" os jogadores presencialmente por conta dos protocolos da COVID-19 e pediu "vergonha na cara" alguns atletas como Fagner, Jô, Fábio Santos, Cássio, Gil, Luan e Gabriel.

Por último, ainda falou sobre o técnico Vagner Mancini, reconhecendo a sua importância na última temporada, mas pedindo a sua saída, uma vez que o treinador ainda "não conseguiu organizar o elenco".

"A nossa paciência acabou e a partir de agora, se não cumprirem a obrigação de vocês e entrarem em campo para jogar bola com raça e respeito à camisa do Corinthians, a cobrança será à altura... encontraremos outras maneiras de exigirmos que joguem na mesma proporção do salário que recebem", diz o trecho final da nota.

Líder do grupo A do Paulistão com 15 pontos, o Corinthians volta a campo pelo estadual neste domingo (18), quando encara o Ituano, mais uma vez como mandante. Na quinta-feira (22), a equipe estreia na fase de grupo da Copa Sul-Americana contra o River Plate, no Paraguai.