<
>

Diego diz problema do Flamengo que mais incomodou e pede mudança de postura na Libertadores: 'Tem que ser diferente'

O Flamengo apresentou muitos erros no clássico contra o Vasco. Eles explicam o 3 a 1 sofrido no Maracanã. Agora, os jogadores não querem que isso se repita na sequência da temporada.

A maior preocupação é com a Libertadores. O Rubro-Negro começa a sua trajetória no torneio continental na próxima terça-feira e já tem uma pedreira pela frente. O rival será o Vélez Sarsfield em choque programado para a Argentina. Assim o tempo é curto para os ajustes do técnico Rogério Ceni.

Na visão do experiente meia Diego Ribas, a Libertadores vai exigir mais concentração: “O Flamengo sabe que a Libertadores é um outro torneio e com 100% de atenção sendo exigida. Fomos pouco eficientes, tivemos alguns erros e pagamos o preço disso contra o Vasco. Na Libertadores tem que ser diferente”, disse.

Os atletas entendem que o time precisa ser mais eficiente na conclusão das jogadas. Autor do único gol, Vitinho alertou:

“Nós acabamos perdendo o controle do jogo quando sofremos os gols e isso não pode acontecer na Libertadores”, disse o camisa 11.

O Flamengo agora volta as atenções para o jogo contra o Vélez. Mas antes disso tem choque com a Portuguesa no sábado, às 21h (de Brasília), no Estádio Luso-Brasileiro. Entretanto, neste duelo a equipe será formada pelos jovens e reservas.