<
>

Libertadores: Santos tem 'joia' de 17 anos fazendo golaço incrível, cede empate ao San Lorenzo, mas vai à fase de grupos

O Santos está na fase de grupos da Conmebol Libertadores. Nesta terça-feira, no estádio Mané Garrincha, em Brasília, o Peixe ficou no empate com o San Lorenzo-ARG por 2 a 2 mas, após ter feito 3 a 1 na Argentina, garantiu a sua vaga

Marcos Leonardo, de apenas 17 anos, fez um golaço aos 22 minutos de jogo em um chute inacreditável. Pará, aos 12 da etapa final, ampliou. O San Lorenzo diminuiu com Di Santo aos 14 do segundo tempo e empatou com Angel Romero, ex-Corinthians, aos 33.

A equipe argentina ainda teve Rojas expulso aos 6 minutos do segundo tempo por uma falta violenta em Marinho.

Apesar do início melhor do San Lorenzo, que chegou a assustar o Peixe, foi o Santos quem abriu o placar. E não foi com um gol qualquer.

Marcos Leonardo avançou pelo lado esquerdo da grande área, arriscou um chute sem ângulo e acabou colocando a bola no canto do gol adversário, fazendo um golaço.

O jovem de 17 anos fez seu primeiro gol na temporada.

Na etapa final, o Peixe aproveitou a expulsão e fez uso da sua superioridade numérica, ampliando com Pará.

Após o gol, o San Lorenzo foi para cima mesmo com um homem a menos e arrancou o empate com Angel Romero, aos 32 minutos do segundo tempo.

Uma cena já no fim, aos 25 minutos do segundo tempo, chamou atenção. Marinho, que estava sendo "caçado" em campo, foi substituído e não gostou.

O camisa 11 do Peixe deixou o gramado bravo, não cumprimentou Ariel Holan e foi para os vestiários. Porém, Marinho depois se "arrependeu" e voltou ao gramado.

Com o resultado, o Peixe vai à fase de grupos e entrará na chave C, ao lado de Boca Juniors, Barcelona de Guayaquil e The Strongest-BOL.

Na semifinal da última Libertadores, o Santos eliminou o Boca Juniors.

Ficha técnica

Santos 2 x 2 San Lorenzo-ARG

GOLS: Santos: Marcos Leonardo e Pará; San Lorenzo: Di Santo e Romero

SAN LORENZO: Devechi; Peruzzi, Donatti, Gattoni, Rojas; Diego Rodriguez (Elias), Oscar Romero, Juan Ramirez; Fernandez (Melano), Di Santo e Angel Romero Técnico: Diego Dabove

SANTOS: João Paulo; Pará, Kaiky, Luan Peres e Madson; Alison, Felipe Jonatan, Gabriel Pirani (Jean Mota); Marcos Leonardo, Soteldo (Copete) e Marinho (Lucas Braga) Técnico: Ariel Holan

Estatísticas

- Marcos Leonardo tem 1 gol em 6 jogos na temporada

- Pará não fazia um gol desde 2017, pelo Flamengo

- Di Santo fez seu gol em 11 jogos na temporada

- Santos dominou a posse de bola em 56% do tempo


Próximos jogos

Os dois times voltam a campo nos próximos dias

  • Sexta-feira, 16/04*, 20h, Ponte Preta x Santos

  • Sábado, 17/04, 16h, San Lorenzo x Argentino Juniors