<
>

Na Flórida, craque Marta recebe primeira dose da vacina contra COVID-19

play
Sormani defende Neymar e diz que jogador do Lille provocou o anti-jogo: 'O que o árbitro fez foi uma vergonha' (3:39)

'O Neymar não agrediu', afirmou o comentarista do #BBDebate (3:39)

A craque Marta recebeu a primeira dose da vacina da Pfizer contra a COVID-19 em ação do Orlando Pride nesta segunda-feira (5 de abril). Além da brasileira, outras atletas da equipe, funcionários do clube e os familiares também receberão as doses da vacinação.

A Flórida liberou a aplicação em pessoas acima dos 16 anos. Os atletas do Orlando City, time masculino, foi vacinado. As competições de futebol nos Estados Unidos estavam marcadas para o mês de abril. A NWSL começará no dia 10, e o Orlando Pride estreará diante do Racing Louisville FC pela Challenge Cup.

A craque brasileiro não está com as demais atletas na seleção brasileira na Granja Comary, em Teresópolis, por conta das barreiras sanitárias existentes entre os países.

play
0:49

Celso Unzelte: 'Tenha dó. Está na hora de crescer, Neymar'

No lance da expulsão, Djaló pegou com as mãos uma bola que saiu pela lateral e pertencia ao PSG. Neymar foi tentar retomá-la e empurrou o português, que caiu no chão. O árbitro, então, mostrou o 2º amarelo ao camisa 10 e o expulsou da partida.