<
>

Itália anuncia 4 infectados pela COVID-19 na comissão técnica durante eliminatórias para a Copa do Mundo

Após a vitória sobre a Lituânia, fora de casa, por 2 a 0 em duelo válido pelo grupo C das eliminatórias europeias para a Copa do Mundo de 2022, a federação de futebol da Itália (FIGC) anunciou que quatro membros da comissão técnica testaram positivo para a COVID-19.

Sem revelar nomes, a federação disse que todos os membros da comissão técnica de Roberto Mancini e os jogadores deram negativo nos exames feitos na segunda-feira.

Na terça-feira, um membro da comissão técnica começou a se sentir mal e foi imediatamente isolado e retornou para a Itália, onde o exame constatou a infecção.

Outras três pessoas que tiveram contato próximo com ele foram isoladas, segundo a federação, e realizaram uma nova bateria de exames nesta quarta-feira. E os resultados deram positivo para os três membros da comissão técnica.

A FIGC afirmou que só tomou conhecimento dos casos positivos minutos após a vitória sobre a Lituânia.

A partida marcou a estreia de Rafael Tolói na seleção italiana. O zagueiro da Atalanta, nascido no Brasil, foi titular na defesa de três zagueiros de Roberto Mancini.

Tolói recentemente se naturalizou e foi convocado pela primeira vez para esta data Fifa.

Com o resultado a Itália vai aos 9 pontos e assume a liderança do grupo C das eliminatórias europeias, à frente da Suíça, que tem 6 pontos após duas rodadas.

A Lituânia acumula sua segunda derrota consecutiva em dois jogos nas eliminatórias.

O resultado também mantém a incrível invencibilidade que já chega a 25 partidas, com 20 vitórias e cinco empates neste período, da Itália.

A última derrota da Itália foi em 2018, para Portugal, na Nations League.