<
>

Governo de MG suspende estadual, e equipes de São Paulo jogarão no Espírito Santo

Após a partida entre São Bento e Palmeiras – que ocorreria em Belo Horizonte nesta terça-feira – ser vetada pelo governo de Minas Gerais nesta manhã, outras partidas sofreram alterações devido à pandemia de COVID-19.

A rodada do Campeonato Mineiro está mantida neste fim de semana após acordo entre a Federação Mineira de Futebol e o Governo estadual, mas com alterações de horários para se enquadrar ao “toque de recolher”. O Atlético-MG recebe o Coimbra, enquanto o Cruzeiro faz clássico com o América-MG.

Entretanto, os eventos esportivos no estado serão suspensos a partir de segunda-feira.

"O Governo de Minas informa que eventos esportivos, ainda que sem público e com transmissão televisiva, serão suspensos no estado em razão da onda roxa a partir da próxima segunda-feira (22/3)", informou o governo nesta terça-feira.

"Para manter o alinhamento e seguir as orientações das autoridades de saúde de maneira criteriosa e rigorosa, como tem sido feito desde o retorno do futebol, deverá ser realizada nova reunião na próxima segunda, 22 de março, para que o Governo de MG atualize as orientações sobre o andamento do futebol no estado", complementou a Federação Mineira de Futebol em nota oficial.

No futebol de São Paulo, uma partida da Copa do Brasil que também seria realizada em Minas Gerais sofreu mudança. O Marília seria mandante contra o Criciúma em Varginha-MG, mas o duelo foi transferido para o Espírito Santo.

O estádio Kléber Andrade, em Cariacica-ES, também receberá Mirassol x Red Bull Bragantino pelo principal torneio mata-mata nacional. Os dois duelos serão nesta quarta-feira, em rodada dupla.