<
>

Paulista: São Paulo arrasa Santos por 4 a 0, com golaço por cobertura de Pablo, e ganha a 2ª seguida

O São Paulo arrasou o Santos e goleou o rival por 4 a 0, neste sábado, no Morumbi, pela 3ª rodada do Campeonato Paulista.

Com o resultado, o time tricolor manteve sua invencibilidade na temporada 2021, emendou a 2ª vitória seguida e se isolou na liderança do grupo B, com 7 pontos.

Já o Peixe, que teve a estreia do técnico Ariel Holan, teve atuação sofrível e segue sem ganhar um jogo sequer no Paulista. Com 2 pontos, a equipe está em 3ª no grupo C.

Em campo, o 1º tempo foi marcado pelo gramado impraticável, já que um dilúvio atingiu o Morumbi antes do jogo, deixando a arena de jogo totalmente encharcada.

Com isso, a bola sequer corria, parando o tempo todo em poças d'água, e a partida foi simplesmente tenebrosa de assistir.

Só depois dos 45 minutos iniciais é que a drenagem começou a trabalhar melhor, deixando o relvado mais praticável para os atletas.

Na volta do intervalo, Hernán Crespo fez alteração logo de cara no Tricolor: sacou o zagueiro Arboleda e colocou o atacante Rojas para dar velocidade.

O equatoriano entrou com tudo, e, logo após cavar um escanteio, viu o São Paulo sair na frente na jogada aérea.

Aos 4 minutos, Daniel Alves bateu o tiro de canto na marca do pênalti, Gabriel Sara subiu bem e testou forte para abrir o placar no Morumbi.

O Peixe sentiu o gol, e o Tricolor quase ampliou já no lance seguinte: Rojas invadiu a área pela direita, driblou o zagueiro com corte seco e bateu forte, por cima da meta de John.

O tempo foi passando, e Crespo resolveu dar uma segurada na partida: sacou Rodrigo Nestor e colocou o volante Luan à frente da zaga.

Do outro lado, Ariel Holan respondeu tirando Jean Mota e Bruno Marques e colocando os garotos Gabriel Pirani e Marcos Leonardo.

O São Paulo seguiu levemente melhor, e quase ampliou aos 24: Pablo cruzou, Léo resvalou e John saiu bem do gol para fazer ótima defesa e evitar o tento.

Na próxima vez que chegou bem ao ataque, porém, o Tricolor não desperdiçou.

Aos 27, Luciano avançou muito bem pela esquerda, passou por Luiz Felipe e bateu cruzado. Luan Peres tentou cortar, mas acabou marcando contra.

O Peixe se abalou totalmente, e o São Paulo aproveitou, deu o bote e ampliou a festa com o gol mais bonito da noite.

Aos 30, Igor Vinícius lançou Pablo, que viu John completamente adiantado e deu um lindo toque por cobertura para fazer um golaço.

E quase nos acréscimos, ainda houve tempo para mais um dos donos da casa, depois de saída de bola desastrada do Alvinegro.

Tchê Tchê, que havia acabado de entrar na vaga de Luciano, soltou um balaço de fora da área, na gaveta do goleiro John.

4 a 0, fora o baile!

Ficha técnica

São Paulo 4 x 0 Santos

GOLS: São Paulo: Gabriel Sara, Luan Peres (contra) e Pablo

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Arboleda (Rojas), Bruno Alves e Léo Pelé; Igor Vinícius, Rodrigo Nestor (Luan), Daniel Alves, Gabriel Sara (Bruno Rodrigues) e Reinaldo; Luciano (Tchê Tchê) e Pablo (Toró) Técnico: Hernán Crespo

SANTOS: Vinícius John; Sandro, Luiz Felipe, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Sandry e Jean Mota (Gabriel Pirani); Lucas Braga, Soteldo e Bruno Marques (Marcos Leonardo) Técnico: Ariel Holan

Estatísticas

Os times tiveram 50% de posse de bola cada no 1º tempo

O São Paulo finalizou 4 vezes no 1º tempo, contra 3 do Santos

O 1º tempo só teve 1 finalização certa, dada pelo Santos

gol de Gabriel Sara em 3 jogos pelo São Paulo na temporada

gol contra de Luan Peres pelo Santos na temporada

gol de Pablo em 3 jogos pelo São Paulo na temporada

gol de Tchê Tchê em 2 jogos pelo São Paulo na temporada

vitória seguida do São Paulo no Paulistão

O Santos segue com 0 vitória no Paulistão


Classificação

GRUPO B
1. São Paulo: 7 pontos
2. Ferroviária: 4 pontos
3. Ponte Preta: 1 ponto
4. São Bento: 0 ponto

GRUPO C
1. Mirassol: 4 pontos
2. Guarani: 3 pontos
3. Santos: 2 pontos
4. São Caetano: 0 ponto


Próximos jogos

Os dois times voltam a campo nos próximos dias.

  • Terça-feira, 09/03, 19h15*, Santos x Deportivo Lara-VEN, Libertadores

  • Sábado, 13/03, 16h30*, Novorizontino x São Paulo, Paulistão

*horário de Brasília