<
>

Palmeiras fecha 2020 com mais de R$ 250 milhões em premiações

Neste domingo, o Palmeiras sagrou-se campeão da Copa do Brasil 2020 ao vencer o Grêmio por 2 a 0, no Allianz Parque, pelo jogo de volta da final.

Com isso, o Verdão chegou ao seu 3º título oficial na temporada, já que também faturou o Campeonato Paulista e a Conmebol Libertadores.

E, como o torcedor alviverde sabe bem, o sucesso esportivo também vem sempre acompanhado de cofres cheios, tanto pelas premiações pagas pelas entidades (FPF, CBF e Conmebol) quanto pelos bônus dados pela Crefisa, patrocinadora máster do Alviverde.

No Paulistão, por exemplo, os palestrinos ganharam R$ 9 milhões no total, sendo R$ 5 milhões da Federação Paulista e R$ 4 milhões da Crefisa.

A Libertadores, por sua vez, valeu quase R$ 130 milhões da Conmebol (somando as premiações acumuladas desde a fase de grupos) e outros R$ 12 milhões da patrocinadora.

Quando à Copa do Brasil, o valor total do bônus da CBF chega a quase R$ 67 milhões, já que na conta entram também oitavas, quartas e semifinais, além do título.

A Crefisa, por sua vez, contribuirá com mais R$ 6 milhões pela conquista do torneio mata-mata.

Até mesmo nos torneios que o Palmeiras não teve bom desempenho, como Brasileirão e Mundial de Clubes, as premiações foram bem razoáveis.

Veja os valores das premiações do Palmeiras em 2020:

Cabe ressaltar que o Verdão já havia antecipado, em 14 de janeiro, R$ 22 milhões do prêmio da Copa do Brasil junto à CBF, juntamente com o Grêmio.

À época, os dois clubes pediram um "socorro" para equilibrar as finanças na reta final da temporada, já embolsando o bônus pago pelo menos ao vice-campeão.

Como faturou a taça neste domingo, todavia, o Verdão agora verá mais R$ 32 milhões entrarem na conta pelo prêmio de campeão.

O Imortal, por sua vez, não receberá mais nada, já que a quantia do vice já foi dada pela CBF aos gaúchos em janeiro.