<
>

Cruzeiro: ex-presidente, Wagner Pires de Sá é hostilizado por torcedores em restaurante em Belo Horizonte

Presidente do Cruzeiro entre os anos de 2018 e 2019, Wagner Pires de Sá foi alvo de ofensas enquanto almoçava com a família, em Minas Gerais.

Dentro os diversos xingamentos, os torcedores afirmaram que o ex-presidente 'acabou com o Cruzeiro' e pediram para Wagner 'mudar de cidade'.

Em vídeo gravado pelos torcedores da Raposa, Wagner Pires de Sá ainda tenta se defender. O ex-presidente, que é réu na Justiça e responde por crimes enquanto administrava o Cruzeiro, afirmou que a atual dirigência que é a culpada pela fase do clube mineiro.

Veja abaixo o diálogo na íntegra:

Cruzeirense 1: Nós só vai (sic) dar uma palavrinha só.

Esposa de Wagner Pires: Não tem que dar palavrinha, não.

Cruzeirense 1: Mas ele f… o Cruzeiro. Ele f… o Cruzeiro.

Cruzeirense 2: Ele tá no lazer, e aí fica fácil. Fica fácil demais.

Esposa de Wagner Pires: Não vai gravar isso aí, não.

Torcedor 1: Tô gravando o que moça? Tô gravando o que?

Torcedor 2: Se tiver gravando, f… também.

Torcedor 2: Ele só vai escutar. Nós num tá agredindo (sic). Nós tá (sic) agredindo? Ele só vai escutar, nós num tá agredindo. A gente só quer falar o papo.

Esposa de Wagner Pires: Falar o quê?

Torcedor 2: Vou falar, porque ele fez isto (f… o Cruzeiro), ué.

Torcedor 1: Tá nessa vida fácil aí, sô

Esposa de Wagner Pires: Vida fácil? Vida que ele sempre teve antes de ser presidente do Cruzeiro…

Torcedor 2: Mas ele f… o Cruzeiro. Foi na ideia dos outros. Ele e o Itair.

Esposa de Wagner Pires: Ele f… não. Ele f… não.

Torcedor 1: Que não foi… Esposa de Wagner Pires: Vocês estão pela imprensa né…

Torcedor 2: Eu não sou imprensa, não…

Esposa de Wagner Pires: Dá licença, dá licença…

Torcedor 1: Que dá licença… não toca em mim, não toca em mim.

Torcedor 2: Nós é poucas ideias rejeitado mesmo, sô.

Esposa de Wagner Pires: Dá licença, dá licença…

Torcedor 1: Não quer papo, muda de cidade, sô… muda de cidade.

Torcedor 2: A gente quer dar a palavra a ele. Outra mulher da mesa: Não, ele já falou…

Torcedor 2: Ex-presidente, por favor, escuta nois (sic). Escute a gente… a voz do torcedor verdadeiro. Nós não vai (sic) agredir não. Não vai agredir não. Se fosse para agredir, já tinha agredido. Só vou dar uma palavra. Ele tá aqui, tá aqui ó.

Torcedor 1: A gente não quer agredir, não. A gente quer que você mude de cidade.

Torcedor 2: Você tem que dar esclarecimento ao torcedor verdadeiro. Você tem que falar.

Wagner Pires: Quem era o melhor time do Brasil?

Torcedor 1: Melhor do campeonato é o c… você acabou com o time, sô.

Wagner Pires: Esses é que estão lá (atual diretoria) que colocaram uma coisa lá.

Torcedor 1: Vira homem, sô. Some da cidade, desgraça.

Wagner Pires: Colocaram uma coisa lá na Globo e, vocês…

Torcedor 2: Nós não vai (sic) agredir.

Torcedor 2: Ninguém vai encostar no cara

Esposa de Wagner Pires: Mas vocês estão ofendendo verbalmente.

Torcedor 2: Mas ele não ofendeu a torcida, não? Não ofendeu, não?

Esposa de Wagner Pires: Abaixa o tom de voz, abaixo tom de voz… não, vocês acreditam em imprensa. Sabe o que vocês são?

Torcedor 2: Por que vocês não vão lá na imprensa e falam então?

Esposa de Wagner Pires: Você não acha que a imprensa manipula não? Sabe quem acabou com o Cruzeiro? Os atuais presidentes… vai lá procurar com o Sérgio Rodrigues. Ele que acabou com o Cruzeiro.

Torcedor 3: Eu sei… Que Sérgio Rodrigues, vocês só falam de Sérgio.

Torcedor 1: Muda de cidade, é a última vez que estou te falando.

Foi a gestão de Wagner Pires de Sá que estava no comando do Cruzeiro no primeiro rebaixamento da história do clube, em 2019. Em 2020, o clube mineiro não conseguiu o acesso à Série A. Sob o comando de Felipão, o quarto treinador da equpe na última temporada, a Raposa terminou a Série B na 11ª colocação, com 49 pontos.