<
>

Benfica divulga balanço e revela gastos de R$ 624 milhões em reforços para Jorge Jesus

Os resultados recentes do Benfica comandado pelo técnico Jorge Jesus chamam a atenção e vem gerando críticas em Portugal. Nesta sexta-feira (26), o clube divulgou o balanço financeiro da primeira metade da temporada.

Junto deste, os gastos em reforços também foram divulgados, somando 92,3 milhões de euros (cerca de R$ 624 milhões na cotação atual) em cinco nomes, incluindo dois brasileiros.

O mais caro foi o uruguaio Darwin Nuñez, contratado por 25 milhões de euros (cerca de R$ 169 milhões). O atacante foi um dos destaques nos primeiros meses, mas não conseguiu manter o nível.

Na sequência, a dupla Everton Cebolinha e Pedrinho soma um gasto de 40 milhões de euros (cerca de R$ 270,5 milhões). Ambos, porém, tem iniciado muitas partidas no banco de reservas.

Fechando a lista, aparecem o alemão Waldschimidt, que custou 16 milhões de euros (cerca de R$ 108 milhões) pagos ao Freiburg, e o argentino Otamendi, que deixou o Manchester City por 15 milhões (R$ 101 milhões).

O Benfica foi eliminado de competições como a Taça da Liga de Portugal e da Europa League, esta na última quinta (25), para o Arsenal. No Campeonato Português, o time é quarto colocado, 15 pontos atrás do líder Sporting.